Técnico Ariel Holan quer fim dos cruzamentos pelo alto no Santos

LANCE!/DIÁRIO DO PEIXE
·1 minuto de leitura


O argentino Ariel Holan está dispondo da primeira semana livre para treinar com a equipe do Santos desde que foi anunciado, no final de fevereiro. O técnico tem apenas quatro jogos no comando santista e, com mais tempo para treinar, pretende colocar características dele no jeito de jogar da equipe, além de corrigir alguns erros.

> Confira a classificação atualizada do Campeonato Paulista

Entre as mudanças, Ariel Holan quer o fim dos cruzamentos pelo alto. O técnico está treinando o cruzamento rasteiro com o elenco. Adepto de tecnologia e estatísticas, o treinador não vê muita produtividade nos "chuveirinhos" para a área.

Segundo o Sofascore, no primeiro jogo contra o Deportivo Lara, com pouco tempo de trabalho de Holan, foram 29 cruzamentos do Santos para a área e apenas dois acertos. No duelo de volta, os cruzamentos já diminuíram. Foram 12, mas a margem de acerto continuou pequena: apenas um certo.

O centroavante Bruno Marques, utilizado justamente nessa jogada aérea, pode perder espaço com o estilo de jogo. Nas últimas partidas, ele já demonstrou dificuldade de adaptação ao novo modelo.

Devido às restrições de atividades na Baixada Santista, a delegação do Santos segue treinando em Atibaia, no interior de São Paulo, em dois períodos com treinos intensos visando o confronto contra o San Lorenzo, da Argentina, pela terceira fase eliminatória da Copa Libertadores. A partida está marcada para o dia 6 de abril, uma terça, às 21h30. O atacante Marinho deve ser novidade para a partida, ele já está treinando com a bola junto com o grupo.