Arana leva trote no Corinthians e fala de despedida: 'Deve ser por isso'

Marcio Porto

O lateral-esquerdo Guilherme Arana sofreu com seus companheiros na manhã desta quinta-feira. Após o treino, o jogador foi vítima de um trote descontraído. A brincadeira começou com o turco Kazim, que correu para pegar o lateral, e acabou rendendo um banho de gelo e chuva de tapas em uma rodinha. Tudo numa boa. Mas a cena bem humorada é mais um registro da reta final do camisa 13 pelo Timão.

Após o treino, enquanto assinava camisa de torcedores, Arana foi perguntado por jornalistas sobre o motivo da brincadeira. No começo, disse que o grupo já queria pegá-lo desde 2015, ano em que estreou no profissional. Na sequência, foi questionado se era uma despedida.

- Deve ser por isso - resumiu.

O lateral-esquerdo tem proposta do Sevilla (ESP), que está muito próximo de concretizar a negociação;. A partida do próximo domingo contra o Atlético-MG, aliás, deve marcar sua despedida do Corinthians. Após o jogo do título brasileiro, contra o Fluminense, na Arena, o lateral já tinha dito que se despederia ao fim do ano.

A diretoria ainda trata o assunto com cautela, evitando confirmar a negociação, mas internamente a saída é dada como certa. O Corinthians espera receber cerca de 6 milhões de euros por 40% dos direitos econômicos que possui do jogador.

Também após o treino, o goleiro Cássio foi perguntado sobre a brincadeira com Arana, mas não associou com uma possível saída.

-- "A gente quis pegar ele. É um cara que tá sempre zoando todo mundo. E falamos que na reta final a gente ia amarrá-lo, dar um banho nele - declarou.

Com a iminente saída de Arana, o Corinthians deve ir ao mercado em busca de um outro lateral-esquerdo. No momento, o grupo conta com Moisés e Marciel para a posição.













E MAIS: