'Toalha amiga'! Cormier explica polêmica pesagem do UFC 210

Algumas horas após a polêmica em que se envolveu na pesagem para sua luta contra Anthony Johnson na manhã desta sexta-feira (7), Daniel Cormier resolveu de explicar. O atleta, que não bateu o limite da categoria dos meio-pesados (93 kg) em um primeiro momento, recebeu o direito de se pesar novamente dois minutos depois e conseguiu. O problema é que nesta última tentativa ele segurou na toalha que cobria seu corpo.

Tal atitude levantou dúvidas sobre o profissionalismo do atual campeão meio-pesado. Isso porque a ação de segurar na toalha pode ter feito com que ‘DC’ dividisse as 500 gramas que precisa perder com quem a segurava. Contudo, Cormier fez questão de espantar qualquer dúvida e garantiu que tentava apenas evitar que as pessoas presentes na pesagem vissem suas partes íntimas.

“Não queria que vocês vissem meu pênis. [segurei a toalha] Para [vocês] não verem meu pênis. Essa é sua opinião [sobre ter segurado a toalha], não minha. O que aconteceu eu não entendo, não é algo que eu tenha feito antes. Só posso dar a certeza de que eu não queria que vissem meu pênis”, relatou em desabafo captado pelo canal MMA TV.

Apesar de todas as críticas sobre sua conduta, Daniel Cormier foi confirmado para a disputa e irá defender seu cinturão pela segunda vez em uma revanche contra Anthony Johnson. Aos 38 anos, o americano acumula três vitórias consecutivas desde sua derrota para Jon Jones em janeiro de 2015, naquele que foi o único revés de sua carreira.