'Pressiona', 'dá mais uma', 'vamos': Fla volta ao batente com Zé Ricardo vibrante

Paulo Victor Reis

O Flamengo voltou aos trabalhos na manhã desta terça-feira, no Ninho do Urubu, em Vargem Grande. O elenco teve folga na segunda-feira, mas trabalhou intensamente na reapresentação. O técnico Zé Ricardo esteve vibrante na atividade tática e deu muitas orientações aos jogadores. Com gritos de incentivo e cobrança, como 'pressiona', 'boa, 'vamos', 'dá mais uma', 'vai para frente', o treinador exigiu aplicação e capricho durante o trabalho.

O atacante Guerrero, o zagueiro Réver e o meia Éverton, que foram poupados contra o Fluminense, treinaram sem limitações. Portanto, o trio está à disposição de Zé Ricardo para o clássico do próximo sábado, contra o Vasco, pela semifinal da Taça Rio.

O volante Rômulo correu ao redor do gramado no início do treino. Já o meia Mancuello fez um trabalho físico e também bateu bola sob os cuidados da preparação física. A dupla ficou fora dos últimos jogos e ainda não tem previsão de retorno aos jogos.

Zé Ricardo observou a movimentação de Rodinei, que vai substituir Pará contra o Vasco. O titular foi expulso contra o Fluminense. Os jogadores que iniciaram o clássico do último domingo fizeram apenas um treino físico, o tradicional regenerativo nesta terça-feira. Eles deixaram o campo mais cedo.





E MAIS: