'Foi só uma pancada', avaliou Nonato sobre contusão de Musto

Futebol Latino
LANCE!
Foto: Ricardo Duarte/Internacional
Foto: Ricardo Duarte/Internacional


O clima no primeiro treino da última segunda-feira (20) no CT Parque Gigante acabou ficando um tanto quanto tenso após o recém-contratado argentino Damián Musto sentir dores no joelho ao ponto de ter de deixar os treinamentos feitos na parte da tarde.

Todavia, ao menos na análise de quem esteve também na atividade, caso do meio-campista Nonato, tudo indica que o companheiro de equipe sentiu apenas o peso do choque no treino e que não deve ter maiores consequências:

- Não pareceu nada. Ele estava normal. Foi só uma pancada pela força que estava o treinamento.

Em relação a possíveis dicas sobre o time titular da próxima quarta-feira (22) e de que maneira ele percebe que atuará na equipe caso seja escolhido, a postura de Nonato foi de absoluta cautela e mistério:

- É um mistério. Até agora não foi falado disso. Não sabemos ainda a equipe. (…) Ele joga com quatro no meio. Treinei centralizado e é uma opção dele. Não tenho preferências. O que o treinador pedir, vou fazer. Confiamos muito no trabalho dele e, por isso, sabemos que ele vai tomar as melhores decisões.

Entretanto, uma coisa é certa: Nas atividades do dia a dia, o meio-campista de 21 anos de idade já está ambientado ao estilo de trabalho do técnico argentino Eduardo Coudet baseado na intensidade em busca constante pela bola.

- Ele exige muito a retomada, após a perda da posse. Gosta que o seu time fique com a bola e, quando perde, ele pede para recuperar o mais rápido possível - concluiu.













Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também