'Chocolate' sobre o Fla marcou última passagem de Abel Braga pelo Vasco

O treinador foi apresentado nesta quarta-feira como novo comandante do Gigante da Colina
O treinador foi apresentado nesta quarta-feira como novo comandante do Gigante da Colina

Abel Braga foi apresentado, nesta quarta-feira (18), como treinador do Vasco da Gama para a temporada 2020. O comandante, que teve duas passagens anteriores pela área técnica de São Januário, recebeu a camisa 3 das mãos do presidente Alexandre Campello.

O número na camisa pode até ser uma referência às passagens do treinador por São Januário, mas também ficava às costas de Abelão na época em que ele era zagueiro do time campeão carioca em 1977. A época como jogador cruz-maltino costuma ser lembrada como a melhor de sua carreira – tanto que lhe rendeu vaga na seleção brasileira.

Mas Abel também participou, já como treinador, de uma vitória marcante do Vasco. Em 2000, ele assumiu o time que ainda estava na ressaca pela derrota no Mundial de Clubes e levou um esquadrão repleto de craques à primeira conquista daquela temporada: a Taça Guanabara.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

O tradicional título do primeiro turno do Campeonato Carioca, contudo, ficou marcado naquele 23 de abril por uma goleada histórica sobre o arquirrival Flamengo: vitória de virada por 5 a 1, com direito a provocações de “chocolate”, uma vez que era Páscoa e o então presidente Eurico Miranda havia distribuído 40 mil ovos de chocolate para os vascaínos no Maracanã.

Dentro do Maracanã, Leandro Machado abriu o placar para o Flamengo. Entretanto, o estrelado time vascaíno chegaria ao empate com Felipe, Romário fez três vezes e Pedrinho completou o marcador.

Abel Braga não ficaria muito tempo em São Januário. Naquele mesmo ano, o Gigante da Colina conquistaria a Copa Mercosul e o Campeonato Brasileiro.

As lembranças são boas, mas em 2020 a diferença é que Abel Braga não terá um time tão repleto de craques a sua disposição.

Leia também