'Antes de expulsarem Neymar, têm que expulsar metade do time rival'

Ex-presidente do Barcelona defendeu o camisa 11 do Barcelona e criticou critérios da arbitragem local

Ex-presidente do Barcelona, Joan Gaspart decidiu se manifestar publicamente a respeito da punição de três jogos imposta a Neymar, por comportamento hostil para cima do quarto árbitro do jogo diante do Málaga, no último fim de semana, pelo Campeonato Espanhol.

- Podem expulsar Neymar, mas antes têm que expulsar metade da equipe adversária porque o maltratam, o chutam… fazem de tudo - repudiou Gaspart, atual membro da Federação Espanhola de futebol, em declarações ao site "Sportyou".

- Não concordo com as sanções interpretativas. Para a imprensa, aplaudir é fazer pouco do quarto árbitro. Por quê? Se Neymar tivesse cuspido ou agredido, mas aplaudir? - estranhou Gaspart.

Com a suspensão, o brasileiro está fora do superclássico contra o Real Madrid, a ser realizado no dia 23 de abril, pelo Campeonato Espanhol. Além disso, não entra em campo neste fim de semana, quando o Barça enfrenta a Real Sociedad, também pela Liga.






E MAIS: