Apesar de 'má-fase', Mauro Cezar diz que Isla não será ameaçado por Rodinei: 'Sem nível técnico para o Fla'

·2 minuto de leitura


O jornalista Mauro Cezar Pereira analisou o retorno de Rodinei, que defendeu o Internacional na última temporada, ao Flamengo e disse, em podcast do 'Uol', que apesar da má-fase do chileno, ele não é ameaçado pelo brasileiro, que não teria 'nível técnico' para jogar no Flamengo.

+CONHEÇA O 'LANCE RESULTADOS', NOVO APP DO LANCE! RESULTADOS EM TEMPO REAL, TABELAS, APOSTAS E MUITO MAIS

- Eu não sei exatamente o que acontece com o jogador, porque é uma fase ruim que se arrasta há muito tempo e o Isla é um bom jogador, ele tem toda uma carreira internacional, de clubes importantes, jogou na seleção do Chile muito tempo, não é um mau jogador, mas vive uma fase muito ruim mesmo - disse.

- Mas o fato de o Isla não jogar bem, não vai transformar o Rodinei em um ótimo lateral, não existe essa associação, é crendice urbana. O Isla está mal, então o Rodinei vai virar bom. Não, não vai virar bom, o Rodinei continuará sendo um jogador limitado, na minha opinião, sem nível técnico para jogar no Flamengo dentro daquilo que o Flamengo se propõe a apresentar - completou.

Mauro ainda relembrou a passagem de Rodinei pelo Inter e o episódio em que um empresário bilionário desembolsou R$1 milhão para o lateral jogar contra o Flamengo. Participando do duelo, Rodinei cometeu erros e foi expulso.

- É só lembrar Flamengo e Inter, pagaram R$ 1 milhão lá o milionário, campeoníssimo, pagou R$ 1 milhão para o Rodinei entrar em campo, ele falhou no gol do Flamengo de empate e foi expulso. Quer dizer, esse é o Rodinei, alguém acha que o Rodinei vai virar? Nada contra o Rodinei como pessoa, ele até parece um cara divertido, alegre, colorido e cheio de bossa, como diriam os antigos, mas não dá, não tem condição - completou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos