Apenas tenistas 100% vacinados poderão disputar Aberto da Austrália

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Tenista sérvio Novak Djokovic celebra ponto no torneio de Turim, na Itália, em 19 de novembro de 2021 (AFP/Marco BERTORELLO)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Todos os jogadores do Aberto da Austrália deverão estar vacinados para participarem do torneio de janeiro de 2022 - declarou o diretor de sua organização, Craig Tiley, nesto sábado (20), lançando dúvidas sobre a participação do atual número um do mundo, Novak Djokovic, que se nega a revelar se está imunizado.

Tiley afirmou que os tenistas foram informados de que deverão ter o esquema de vacinação completo para competir no Melbourne Park.

A cidade australiana de Melbourne, onde o torneio acontece, passou 260 dias em confinamento durante a pandemia da covid-19, e o governo do estado de Victoria disse que não fará concessões a jogadores não vacinados.

"Há muita especulação sobre a vacinação e, para sermos claro, quando o chefe do governo (de Victoria) anunciou que todos no local (...) deverão estar vacinados, avisamos os jogadores", disse Tiley ao Canal 9 de televisão.

"Todos os jogadores entendem isso. Nossos chefes devem estar vacinados, todo pessoal que trabalha no Aberto da Austrália deve ser vacinado", acrescentou.

Isso inclui Djokovic, nove vezes vencedor do torneio australiano.

Segundo Tiley, a estrela sérvia "disse que considera que isso é um assunto privado".

"Gostaríamos muito de ver Novak aqui. Ele sabe que terá de estar vacinado para jogar aqui", insistiu.

Este mês, Djokovic disse este mês que aguardaria a confirmação oficial das exigências da Tennis Australia antes de decidir se participará da próxima edição do torneio.

O Aberto da Austrália de 2021 exigiu que os jogadores cumprissem duas semanas de quarentena em um hotel e limitou a presença do público nas competições. Além disso, uma quarentena foi decretada em Melbourne no meio do torneio.

Os organizadores esperam que o de 2022 ocorra a partir de 17 de janeiro com jogadores vacinados, os quais poderão entrar na Austrália sem a necessidade de quarentena.

Desta vez, haverá a presença do público, graças ao fato de 90% da população de Victoria estar vacinada. Essa alta taxa de imunização permitiu suspender as restrições sanitárias, como o limite de lotação do público em eventos esportivos.

Embora não se saiba se Djokovic estará lá, Tiley disse que Rafael Nadal buscará seu 21º Grand Slam, enquanto Roger Federer foi descartado, por um problema no joelho.

Também confirmaram sua participação a atual número um no ranking feminino, Ashleigh Barty, assim como a atual campeã do torneio Naomi Osaka. Serena Williams também chegará em busca de seu Grand Slam, o 24º, na esperança de se igualar à marca de Margaret Court.

mp/jah/mas/cl/tt

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos