Após vitória no UFC São Paulo, 'Do Bronx' mira enfrentar McGregor ou Paul Felder

‘Do Bronx’ nocauteou Jared Gordon no primeiro round – Leandro Bernardes/PxImages

No último sábado (16), Charles ‘Do Bronx’ ratificou seu grande momento no Ultimate. O brasileiro nocauteou Jared Gordon, no UFC São Paulo e conseguiu sua sexta vitória seguida na organização. Empolgado por este bom momento, o faixa-preta de jiu-jitsu, apesar de afirmar que mantém os pés no chão e não está ‘soberbo’, adotou um novo discurso e pediu nomes como Conor McGregor e Paul Felder para as suas próximas lutas.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Durante a semana do UFC São Paulo, Charles se mostrou mais preocupado com o que veste e lidou bem com suas palavras. A mudança de postura deve-se para o Ultimate olhá-lo com mais atenção, já que atualmente vem com uma sequência de vitórias, quatro por finalização e duas por nocautes.

“Chegou o momento da gente falar um pouco mais. O Charles é o mesmo moleque, mantém o pé no chão, humilde, mas chegou a hora da gente vestir um pouco melhor, falar um pouco melhor, falar uns nomes. Falei o nome do Conor McGregor, do Paul Felder, que foi o último cara a me vencer. Quero entrar nesse game, lutar com esses caras que estão no top da categoria”, disse o lutador, na coletiva de imprensa pós-UFC São Paulo.

Conhecido por um jiu-jitsu de excelência, Charles, nas suas últimas apresentações, tem mostrado uma grande evolução na parte em pé, com dois nocautes. De acordo com o peso-leve (70 kg), isso é fruto de um trabalho específico com seu treinador e ex-lutador Jorge ‘Macaco’.

“Quando sai da minha outra equipe só ficou eu e o Jorge (Macaco) e a gente sentou e tentou achar um rumo melhor. Ele falou que na Chute Boxe/Diego Lima seria o melhor lugar, que teria uma família, um time que queria evoluir comigo na parte em pé e é isso que está acontecendo nas minhas últimas lutas, eu mostrando minha evolução. São duas lutas e dois nocautes seguidos. Esse foi fantástico e mostra como estou evoluindo na parte em pé”, afirmou.

Com o triunfo de ‘Do Bronx’, o lutador conquistou pela 15ª vez o prêmio de ‘Bônus da Noite’ e embolsou US$ 50 mil (cerca de R$ 200 mil). Com esta bonificação, o brasileiro fica a somente três de Donald Cerrone, recordista neste quesito. Se atualmente é o atleta com mais finalizações da história do UFC, o paulista também mira chegar ao topo deste quesito.

“Quero ser o recordista de nocautes, de finalizações, de bônus da noite. Quero entrar no ‘Hall da Fama’ e falar que daqui a alguns anos como aconteceu com o ‘Shogun’ (entrou para o ‘Hall da Fama’ do UFC por luta contra Dan Henderson, em 2011). Quero fazer minha parte. Quero trabalhar e fazer minha parte”, finalizou.

Com esta vitória no UFC São Paulo, Charles ‘Do Bronx’ alcançou a marca de 28 na carreira. No Ultimate, o brasileiro possui 16 triunfos, oito derrotas e um ‘No Contest’ (luta sem resultado).

Leia também