Após torção no joelho, Medina anuncia permanência na etapa de Gold Coast

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Um susto marcou a primeira bateria da etapa de Gold Coast do Mundial de Surfe, na última quarta-feira (16). Ao efetuar um aéreo, Gabriel Medina acabou sofrendo uma torção no joelho direito e deixou o mar mancando.

Mesmo com o ocorrido, Medina venceu a bateria com relativa folga: 16,50 pontos, contra 10,90 de Wiggolly Dantas (BRA) e 10,70 de Ezekiel Lau (EUA). Pelas regras do campeonato de surfe, o vencedor da primeira bateria se classifica diretamente para a terceira.

Por meio de sua assessoria, Gabriel Medina confirmou que participará da terceira bateria. "Estou bem, descansando e vai dar para surfar no próximo round", afirmou.

Medina chegou a ser medicado e fez gelo na região afetada para conseguir voltar a competir.