Após tanto reclamar por falta de tempo, Palmeiras precisa mostrar evolução

Time de Cuca está longe de ter os mesmos números do ano passado, quando faturou o nacional

Sempre que foi questionado pelo desempenho ruim do Palmeiras, o técnico Cuca mencionou que não teve tempo livre para treinar o time. Nesta semana, porém, ele conseguiu dar descanso aos jogadores e até treinar em dois períodos. Por isso a expectativa é o que time mostre evolução no jogo contra a Chapecoense, neste domingo (20), às 19h (de Brasília), no Allianz Parque.

Desde que Cuca assumiu o Palmeiras, não houve sequer uma semana livre como essa. O time disputou três competições simultâneas. Agora que foi eliminado de duas (Copa do Brasil e Copa Libertadores), a folga será bem-vinda.

Cuca comemorou isso, em entrevista coletiva nesta sexta-feira (18): "nós tivemos, depois de muitos jogos seguidos, uma semana para trabalhar. Um repouso merecido, necessário acima de tudo, porque faz parte do trabalho. Às vezes não é nem do corpo, mas sim mental. Vamos ter mais duas assim. É natural que a gente tenha ganhos durante essas semanas".

Como o time passou por duas eliminações e está longe do líder Corinthians no Campeonato Brasileiro, a sensação é de momento ruim no Palmeiras. Mas Cuca tenta ser otimista: "esses últimos 11 jogos estamos bem, isso que ainda perdemos em casa e empatamos a última. Eu não vejo que as coisas estão horrorosas".

Realmente as coisas não estão horrorosas. Mas se Cuca não conseguir fazer o time evoluir depois de tanto tempo livre, a situação pode ficar horrorosa sim.