Após repercussão com nome envolvido em fraude na saúde do Rio, Bia Figueiredo deleta redes sociais

motorsport.com

Após a divulgação do escândalo de corrupção na área da Saúde do estado do Rio de Janeiro ligado a seu nome, Bia Figueiredo, atual piloto da Stock Car e um dos principais nomes femininos no esporte a motor, apagou suas redes sociais, que receberam vários ataques ao longo da quinta (25).

A conexão de Bia com o caso vem a partir do marido da piloto, Fábio Souza e seu sogro, Juracy Batista, que são acusados de desviar mais de R$ 9 milhões dos cofres públicos estaduais, através da organização social de saúde Instituto dos Lagos Rio.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também:

Bia Figueiredo tem nome envolvido em fraude milionária na saúde do Rio de Janeiro; equipe da Stock suspende contrato da piloto

O caso também teve desdobramentos no âmbito esportivo da piloto. Segundo o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, que atuou através da operação Pagão, a empresa de Bia, a B3Três, que só existe no papel segundo o MPRJ, teria recebido transações que totalizam mais de R$ 1,5 milhão e que foram utilizados para uso da piloto na Stock.

O desvio de dinheiro ocorria mediante pagamento de valores superfaturados em favor de empresas, supostamente para adquirir produtos ou terceirização de serviços necessários ao atendimento de hospitais e UPAs administrados pelo Instituto.

De acordo com a investigação, Juracy e Fábio tiveram papel central na operação. Ainda segundo o MP, a F71 bancou parte do casamento de luxo de Bia e Fábio, realizado em janeiro de 2016. Só o show da festa, feito por Tiago Abravanel, custou 20 mil reais, dinheiro desviado da saúde.

A equipe de Bia na Stock, Ipiranga Racing, divulgou um comunicado anunciando que a piloto está suspensa do time "até que os fatos sejam esclarecidos". Ao longo da quinta-feira, suas redes sociais foram alvo de diversos ataques. Grávida de oito meses, ela apagou suas redes sociais. Veja o comunicado da equipe abaixo:

"A Ipiranga informa que foi surpreendida com notícias envolvendo o nome da piloto da Stock Car Bia Figueiredo. A empresa esclarece que as práticas citadas nas matérias veiculadas, relacionadas aos familiares da piloto, não representam os valores da sua marca e repudia enfaticamente tais atitudes".

"Até que os fatos sejam esclarecidos, a Ipiranga informa que decidiu suspender o contrato de patrocínio da piloto. A Ipiranga ressalta ainda que preza pela transparência e ética em todas as suas ações e relações, e não compactua com práticas ou atividades que violam leis, as normas e / ou o seu Programa de Compliance".

Motorsport.com apurou que a decisão foi tomada por dois motivos: a avalanche de mensagens recebidas ao longo da quinta-feira e o uso de seu acervo pessoal presente nas redes em reportagens como a do Jornal Nacional.

Ainda JN, Bia afirmou que não tem detalhes do processo, que ficou sabendo dos fatos pela imprensa e não se envolve com os negócios da família. A piloto ressaltou que está focada na saúde dela e do bebê

Bia era bastante atuante nas redes sociais e possuía um grande número de seguidores. Recentemente, ela compartilhava momentos relacionados à sua gravidez. Seu canal no YouTube segue disponível, mas com a área de comentários fechada, diferente de como era antes.

PODCAST: As notas atribuídas aos pilotos no game F1 2020 são malucas?

Your browser does not support the audio element.

Leia também