Após primeiro teste, Fluminense abre quartas da Copa do Brasil podendo ter Arias como novidade

·2 minuto de leitura


Após a saída de Roger Machado, o Fluminense sob o comando de Marcão já apresentou mudanças. Utilizando jogadores que antes tinham poucos minutos em campo e com mudanças no esquema tático, o time demonstrou uma postura diferente. Depois de enfrentar o líder do Campeonato Brasileiro uma vez, o Flu terá o Atlético-MG novamente pela frente, desta vez nas quartas de final da Copa do Brasil, nesta quinta-feira, às 21h30, no Estádio Nilton Santos.

Para o jogo da competição mata-mata, que tem transmissão em tempo real do LANCE!, o novo técnico tricolor pode vir a consolidar algumas dessas alterações. Além disso, contará com um reforço no ataque e alguns titulares importantes.

+ Gestão Mário Bittencourt chega a 28 reforços e cinco técnicos no Fluminense; veja a lista

A principal novidade é a chance de Jhon Arias fazer sua estreia. Já registrado no BID, o colombiano vem bem nos treinamentos e pode ser novidade ao longo da partida. No jogo do Brasileiro, o técnico não utilizou um meia mais ofensivo, como Roger Machado costumava fazer. Já com relação a Caio Paulista, havia a expectativa de que o jogador estivesse disponível, mas ele ainda sente dores e não poderá jogar.

> Confira o chaveamento da Copa do Brasil até a final

Marcão também pode contar com três importantes titulares. Yago Felipe, que se lesionou na partida contra o Barcelona-EQU, participou do último duelo durante os 90 minutos e garantiu que estará à disposição para o jogo. Além de Gabriel Teixeira, que também participou da última rodada do Brasileiro, deve ter condição de atuar durante toda partida caso necessário após lesão muscular. Ele, porém, deve seguir como reserva.

Com a eliminação nas quartas de final da Libertadores e quatro derrotas seguidas no Brasileiro, o primeiro desafio de Marcão nesta temporada foi grande, mas o segundo promete ser ainda maior pela partida eliminatória. Além da pressão por resultados e pelo título, há também a relevância financeira da Copa do Brasil. Quem vencer enfrenta o time que passar de São Paulo x Fortaleza.

- É uma grande equipe, não tem como mudar muito. A entrega vai ter que ser total, temos que acertar algumas coisas, o detalhezinho que contra uma equipe como o Atlético-MG são decisivos. Acredito que será um jogo parecido, pegado, forte, de intensidade e disputa. Acredito que será mais um grande jogo. De imposição, disputa, pressão dos dois lados. É um clássico do futebol brasileiro. A entrega, o comprometimento e a energia que o time passou hoje não vai faltar. Vamos fazer de tudo para levar a vantagem - afirmou Marcão após o jogo pelo Brasileirão.

*Estagiária sob a supervisão de Luiza Sá

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos