Após polêmica, Jovic fica perto de sair e interessa gigantes europeus


O Real Madrid está pronto para se desfazer do atacante Luka Jovic, recém-contratado do Frakfurt. Os motivos que levam o clube merengue a pensar nesta decisão são dois: o fato do sérvio não ter resolvido o problema da falta de gols da equipe e a recente polêmica em que o camisa 18 furou a quarentena imposta pelo clube em Belgrado, capital de seu país natal. A paciência com o jovem de 22 anos chegou no limite.

Com a falta de confiança por parte de Zidane e de alguns diretores, o jogador que custou cerca de R$ 264 milhões está em uma situação complicada. No entanto, outros grandes clubes europeus ainda pensam em um acordo com o sérvio. Na Itália, Milan e Napoli se interessam pelo atacante e há rumores de que o agente de Jovic teria se encontrado com a diretoria do time comandado por Gattuso.

Além dos clubes do futebol italiano, Tottenham e Chelsea também são outras duas equipes que monitoram a situação do atleta. A maior dificuldade que os times podem encontrar é que o Real Madrid irá querer recuperar o dinheiro investido, o que é pouco provável que aconteça devido ao rendimento abaixo do esperado nesta temporada. A imprensa de ambos os países cogitam a possibilidade de um empréstimo.





Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também