Após nova lesão, Neymar desabafa em rede social: 'Não sei até quando aguentarei'

Nathalia Almeida
·2 minuto de leitura

O Paris Saint-Germain venceu o Caen por 1 a 0 na tarde da última quarta-feira (10), conquistando sua classificação à próxima fase da Copa da França. Mas o custo dessa vaga foi altíssimo para o time da capital: perseguido em campo durante toda a partida, Neymar acabou sofrendo mais uma lesão, algo que, infelizmente, tem sido corriqueiro na carreira do craque nos últimos anos.

Através de suas plataformas oficiais, o PSG confirmou que o camisa 10 sofreu uma lesão muscular de grau 2 na coxa esquerda, contusão que deve tirá-lo dos gramados por aproximadamente quatro semanas e o impedirá de encarar seu ex-clube, o Barcelona, pelas oitavas da Champions League. A fisionomia de Neymar ao sair de campo com dores já escancarava sua frustração, sentimento que ficou ainda mais evidente no desabafo do brasileiro em uma de suas redes sociais oficiais.

SM Caen v Paris Saint-Germain - French Cup | John Berry/Getty Images
SM Caen v Paris Saint-Germain - French Cup | John Berry/Getty Images

"A tristeza é grande, a dor é imensa e o choro é constante. Mais uma vez pararei por um tempo de fazer o que eu mais amo na vida que é jogar futebol. As vezes eu me sinto incomodado pelo meu estilo de jogo, por eu driblar e acabar apanhando constantemente, não sei se o problema sou eu ou que faço em campo... Isso realmente me entristece. Me deixa triste demais ter escutar de jogador, treinador, comentarista ou o c****** a 4 "ele tem que apanhar mesmo" "cai cai" "chorão" "moleque" "mimado" e etc... Sinceramente isso me entristece e não sei até quando aguentarei, eu só quero ser feliz jogando futebol. NADA MAIS", publicou o astro.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Se o prognóstico inicial for seguido à risca pelo brasileiro em seu processo de recuperação, ele estará apto para retornar aos gramados na segunda semana de março. O jogo da volta entre PSG e Barcelona, pelas oitavas da Champions, está programado para o dia 11 do próximo mês. É bem provável, portanto, que o clube francês tenha buscar a classificação às quartas sem sua principal estrela nas duas partidas.