Após golear na estreia, treinador do Flu prega respeito ao Vilhenense

Joel Silva
LANCE!
Eduardo Oliveira dando instruções aos jogadores (Foto: Mailson Santana/Fluminense)
Eduardo Oliveira dando instruções aos jogadores (Foto: Mailson Santana/Fluminense)


Neste domingo, às 18h30, o Fluminense enfrenta o Vilhenense-RO, pela segunda rodada da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Em caso de vitória, o Tricolor assegura classificação para a próxima fase da competição, na qual vai enfrentar um dos clubes do Grupo 16: Taboão da Serra, CRB, Vila Nova-GO ou Inter de Limeira.

Os Moleques de Xerém são favoritos para o confronto, principalmente por terem goleado na estreia, quando atropelou o Socorro pelo placar de 5 a 0. No entanto, o técnico Eduardo Oliveira prega respeito ao adversário, afirmando que os jogadores precisam estar focados em obter a classificação.

- A gente trabalha pela evolução no dia a dia. A equipe é uma plataforma para desenvolver cada jogador. Então eles precisam ter os pés no chão, entender que faz parte do processo um resultado elástico como o da estreia. Não tem nada ganho. Precisamos provar nosso valor a cada jogo para ter o direito, em uma competição tão difícil como essa, de chegar até o fim.

Grande parte do elenco que disputa a atual edição da Copinha esteve na campanha do ano passado, na qual o Fluminense caiu na terceira fase ao ser derrotado para o Audax por 1 a 0. Portanto, os jovens atletas possuem experiência para não deixar o favoritismo subir à cabeça.

Quem estreia na competição é o próprio técnico Eduardo Oliveira, que foi promovido para a equipe sub-20 após fazer um grande trabalho na categoria sub-17, que tinha João Pedro e Marcos Paulo, além de diversos jogadores do time atual, como Marcelo Pitaluga, Calegari, Luan, Martinelli, André, Wallace, entre outros.








Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também