Após falhar na balança, Marcos 'Pezão' é finalizado por OSP no UFC Nashville

Após falhar na balança, Marcos 'Pezão' é finalizado por OSP no UFC Nashville

Depois de não conseguir cumprir com sua obrigação e ficar mais de 2 kg acima do limite da divisão dos meio-pesados (93 kg), Marcos Rogério ‘Pezão’ também não teve sucesso dentro do octógono na noite deste sábado (22) e perdeu para Ovince Saint Preux em uma das lutas do card principal do UFC Fight Night 108, disputado na cidade de Nashville (EUA).

A luta começou com os dois atletas se estudando bastante e procurando encontrarem a distância correta. Pezão dominou o centro do octógono e começou tomando a iniciativa do combate. O paulista foi levando nessa toada até o fim do primeiro round, quando OSP pareceu ganhar um pouco mais de confiança.

Logo no início do segundo assalto, o americano conseguiu colocar a luta para baixo e passou a castigar Pezão com cotoveladas no ground and pound. Aproveitando que o brasileiro estava tentando uma guilhotina, St. Preux usou sua especialidade e armou a Von Flue Choke para obrigar Marcos Rogério a bater em desistência.

Foi a terceira derrota de Pezão desde que ele entrou no Ultimate – também conta com quatro vitórias. OSP, por sua vez, se recupera da sequência ruim de três derrotas seguidas que vinha carregando.

Cotovelada brutal

Um nocaute sensacional marcou a primeira luta do card principal do UFC Fight Night 108. No início do segundo round, Mike Perry acertou uma cotovelada violentíssima no rosto de Jake Ellenberger, que caiu desacordado. O movimento surgiu quando os dois estavam no clinch, trocando posições de domínio. Perry se afastou e encaixou o golpe que pôs fim ao combate.

Foi a quarta luta de Mike Perry pelo maior torneio de MMA do mundo e a terceira vitória. O americano possui um cartel de dez vitórias e apenas uma derrota como atleta profissional.

Card Principal

Ovince Saint Preux venceu Marcos Rogério ‘Pezão’ por finalização (Von Flue Choke) no segundo round;
John Dodson venceu Eddie Wineland por decisão unânime dos juízes laterais;
Stevie Ray venceu Joe Lauzon por decisão najoritária dos juízes laterais;
Mike Perry venceu Jake Ellenberger por nocaute no segundo round;

Card Preliminar

Thales Leites venceu Sam Alvey por decisão unânime dos juízes laterais;
Brandon Moreno venceu Dustin Ortiz por finalização (mata-leão) no segundo round;
Scott Holtzman venceu Michael McBride por decisão unânime dos juízes laterais;
Danielle Taylor venceu Jessica Penne por decisão unânime dos juízes laterais;
Alexis Davis venceu Cindy Dandois por decião unânime dos juízes laterais;
Bryan Barberena venceu Joe Proctor por nocaute no primeiro round;
Hector Sandoval venceu Matt Schnell por nocaute no primeiro round.