Após facada, Pablo Marí passa por cirurgia e só volta aos gramados em 2023

Pablo Marí foi operado após ser esfaqueado (Foto: Divulgação / Arsenal)


O zagueiro Pablo Marí, do Monza, passou por uma cirurgia nesta sexta-feira após sofrer uma facada em atentado que ocorreu em Milão, na última quinta, que vitimou cinco pessoas em um shopping center.

De acordo com o jornal "Gazzetta dello Sport", o ex-Flamengo ficará afastado dos gramados por pelo menos dois meses para se recuperar da cirurgia e retorna apenas em 2023. O espanhol pertence ao Arsenal e está emprestado ao Monza.

+ Pablo Marí, ex-Flamengo, é esfaqueado em
shopping na Itália

- Depois do momento difícil que vivemos ontem, eu e minha família queremos comunicar que felizmente estamos todos bem apesar das circunstâncias, e agradecer todas as mensagens de apoio e carinho que estamos recebendo - declarou o jogador.

+ Pablo Marí fala sobre ataque sofrido em Milão: 'Vi uma pessoa morrer na minha frente'

O responsável pelo atentado, um homem de 46 anos com distúrbios psiquiátricos, foi detido no local. Das cinco vítimas, duas estão em estado grave, diferente de Marí, e uma não resistiu e faleceu.