Após escapar de queda na A2 do Paulista, Portuguesa dispensa dez atletas

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Após escapar com uma combinação de resultados da queda para a Série A3 do Campeonato Paulista (equivalente à terceira divisão), a Portuguesa anunciou uma reformulação em seu elenco.

A péssima participação na Série A-2 fez com que a diretoria do clube tomasse uma atitude drástica, visando a participação na Série D do Brasileiro, e o time anunciou o afastamento de dez jogadores: o lateral direito Bruno Santos, o lateral esquerdo Rômulo, o zagueiro Basualdo, o volante Sandro Silva, os meias Bruno Farias, Matei Bustos e Michel, e os atacantes Bruno Silva, Danilo e Rodolfo.

O elenco ficou com apenas 18 jogadores e será reforçado. Os primeiros nomes cotados são os do meia Marcelinho Paraíba e do atacante Souza, que já foi artilheiro da Série A, pelo Goiás e já atuou por Corinthians e Vasco, mas estava no Madureira. Foi contratado também o preparador físico José Roberto Portela, que trabalhou no clube em 1996, quando a Portuguesa foi vice campeã brasileira.