Após encontro com Bolsonaro, presidente do Flamengo é criticado nas redes sociais


Em meio à pandemia do novo coronavírus e números cada vez mais alarmantes de casos confirmados no Brasil, os presidentes de Flamengo e Vasco, Rodolfo Landim e Alexandre Campello, respectivamente, estiveram reunidos com Jair Bolsonaro, presidente do Brasil, nesta terça, em Brasília. A pauta da reunião foi o retorno das atividades relacionadas ao futebol no Rio.

Do lado do Fla, o encontro gerou inúmeras críticas ao mandatário rubro-negro, sobretudo nas redes sociais, onde o nome de Landim aparece desde cedo entre os assuntos mais comentados do Twitter no Brasil, por exemplo.

Quanto ao presidente do Flamengo, as postagens de destaques são quase todas relacionadas à reprovação acerca da reunião em prol da volta às atividades, que poderia ocorrer até na capital federal, caso as autoridades do Rio sigam sem liberar os treinos no Ninho do Urubu.

O comentarista Mauro Cezar Pereira, da ESPN Brasil, criticou o encontro de Landim com Bolsonaro.

- E se o presidente do Flamengo se esforçasse para estar próximo aos familiares dos garotos mortos no incêndio do CT como se empenha para encontrar Bolsonaro? - questionou no Twitter.

Cabe destacar ainda que o chefe do departamento médico do Flamengo, Márcio Tannure, compartilhou imagens do encontro nas redes sociais e externou otimismo para a volta à rotina.

Confira as postagens de reprovação a seguir:











Role para baixo para continuar lendo
Anúncio


Leia também