Após derrota para o Rayo Vallecano, Barcelona anuncia a demissão de Ronald Koeman

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


O Barcelona anunciou, nesta quarta-feira, a demissão de seu treinador, Ronald Koeman, após derrota por 1 a 0 para o Rayo Vallecano em partida de La Liga. O técnico holandês já balançava no cargo por conta de uma série de resultados negativos do Barça.

A derrota do Barcelona para o Rayo Vallecano, nesta quarta-feira, foi a gota d'água para a demissão de Ronald Koeman. Nono colocado no Campeonato Espanhol, o Barça já soma resultados ruins desde o início da temporada, e o treinador holandês já balançava no cargo.

Após a derrota desta quarta-feira, Ronald Koeman havia defendido que a equipe do Barcelona tinha feito um bom jogo, e era criticado apenas pelo resultado negativo contra o Rayo.

- Não estou preocupado com o nível de jogo. Hoje jogamos bem, mas na Espanha isso não conta. Foi 1 a 0. É melhor não falar nada - disse o treinador holandês após a derrota desta quarta-feira.

Contratado pelo Barcelona em agosto de 2020, Ronald Koeman ficou no cargo por um ano e dois meses, comandando a equipe em um total de 66 jogos, sendo 40 vitórias, 11 empates e 15 derrotas.

- O presidente do clube, Joan Laporta, o informou da decisão após a derrota para o Rayo Vallecano. Ronald Koeman vai se despedir do plantel na quinta-feira na Ciutat Esportiva. O FC Barcelona agradece-lhe o serviço prestado ao Clube e deseja-lhe as maiores felicidades na sua carreira profissional - publicou o clube em nota oficial.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos