Após derrota judicial, Fred poderá pagar até R$ 18,6 milhões para o Galo segundo ex-vice do clube

Valinor Conteúdo
·1 minuto de leitura


O atacante Fred, do Fluminense, já sabe que terá de pagar ao Atlético-MG pela multa rescisória cobrada pelos mineiros por ele ter assinado com o Cruzeiro em 2017, gerando uma disputa judicial que durou mais de dois anos. A sentença final, proferida pelo Centro Brasileiro de Mediação e Arbitragem (CBMA), é definitiva.

Com a situação da disputa solucionada, agora o clube alvinegro vai ter de esperar o prazo para que a sentença seja aplicada e os pagamentos sejam feitos para o Galo. O valor inicial da ação, era de R$ 10 milhões, mas com as custas do processo, multas e correções monetárias, o valor pode chegar a R$ 18,6 milhões segundo cálculo do ex-vice do Galo, Lásaro Cândido, que conduziu o processo enquanto esteve no alvinegro.

Entretanto, dos R$ 18,6 milhões que o Atlético terá direito a receber, o clube terá de devolver R$ 1,9 milhão, referente a verbas trabalhistas não quitadas quando ele deixou o clube, há três anos.

CONFIRA COMO ESTÁ A SITUAÇÃO DO GALO NA SÉRIE A

Inicialmente, Fred receberá uma intimação para quitar a dívida com o Atlético-MG em um prazo de 10 dias. O valor exato a set pago, segundo Lásaro Cândido, é R$ 18.654.417,00.

Apesar do prazo pré-determinado para pagar o clube, o jogador poderá postergar a data entrando com embargos declaratórios, que podem questionar a decisão final a favor do Atlético-MG. Fred tem cinco dias para recorrer e fazer os pedidos de esclarecimentos sobre a sentença do CBMA.