Após apito final, torcida do Corinthians faz festa mesmo com derrota, enquanto cruzeirenses celebram vitória timidamente

Goal.com
Decisão da competição será disputada em outro país; Estados Unidos, Catar e Paraguai são os favoritos

Conmebol define final da Libertadores fora da Argentina, mas data, sede e horário seguem abertos

Decisão da competição será disputada em outro país; Estados Unidos, Catar e Paraguai são os favoritos

Após o fim dos 90 minutos do primeiro jogo da final da Copa do Brasil, o placar no Mineirão apontava 1 a 0 a favor do Cruzeiro, que leva a vantagem para o duelo de volta em Itaquera, em 17 de outubro, na próxima quarta-feira.

Com a vantagem e um time muito superior tecnicamente, a Raposa é considerada, ainda mais que antes do duelo de ida, favorita ao hexa do torneio mata-mata. No entanto, após a partida, as reações das duas torcidas não transmitiu isso.

Durante os 90 minutos no Mineirão, o Corinthians, na retranca e sem inspiração e objetividade nos contra-golpes, não chutou uma bola sequer ao gol adversário. Fábio não fez uma só defesa em toda a partida. O Cruzeiro também não teve grande atuação, mas dominou a partida, marcou um gol, criou boas chances em bolas aéreas e chutes de média e longa distância, acertou a trave e venceu o confronto.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Ainda assim, após o apito final, quem comemorou foi a torcida do Timão, talvez reconhecendo a limitação de seu time e acreditando que a equipe pode reverter o 1 a 0 em Itaquera. Os torcedores corintianos, afinal, mesmo com a derrota, cantaram sem parar após o fim da partida, enquanto os vitoriosos cruzeirenses aplaudiram seu esquadrão timidamente, mesmo com o triunfo pelo placar mínimo.

Confira os vídeos:

Leia também