Após acidente de moto, velejador de barco santista retorna no Brasileiro em Ubatuba

·2 minuto de leitura


Quando há a união da profissão e o amor ao esporte é difícil ficar de fora dos grandes eventos. Miller Lazur, skipper há 12 anos do veleiro santista Rudá, marca seu retorno, no Campeonato Brasileiro de Vela de Oceano - 12º Internacional Paint Ubatuba Sailing Festival, em Ubatuba (SP). Ele sofreu um acidente de moto no Guarujá (SP) em junho que o deixou afastado por três meses das regatas.

Lazur precisou fazer cirurgia e colocou uma placa e mais seis parafusos no rádio, na região do antebraço. Ficou impossibilitado de exercer seu ofício na plenitude. Chegou a acompanhar a equipe Rudá na 48ª Semana de Vela de Ilhabela, mas apenas dando assessoria na equipe externa durante as disputas.

A fisioterapia segue por mais dois meses e Miller, paulista de origem austríaca, sente o alívio de poder voltar a competir, mesmo que ainda com limitações.

"Voltei a velejar agora no barco, mas estou sem posição fixa até mesmo porque não posso forçar o antebraço. Estou ajudando a equipe a descer balão, coisas mais simples que não façam tanta força," conta Miller que tem o auxílio da trimmer do veleiro, Tatiana Novaes, médica-ortopedista e cirurgiã, e também à distância do médico que o acompanhou no procedimento e na recuperação, Dr. Rubens.

"Estou bem tranquilo competindo aqui com o acompanhamento aqui da Tati e do Dr. Rubens, que me apoiam no que posso e não posso fazer, muito bem supervisionado e voltando à rotina. Nós que praticamos esse esporte é muito ruim ficar parado , debilitado e afastado. Tem que vir no sacrifício ainda mais o Campeonato Brasileiro, Ubatuba Sailing Festival que é muito legal", seguiu Lazur, de 39 anos de idade e que trabalha como skipper há 16.

"Gostamos muito do que fazemos, 12 anos skipper do barco, navego com o time Rudá há muito tempo, gostamos muito de velejar com o pessoal e mesmo que não velejemos gosto de vir junto para dar assessoria, estar junto. Eu trouxe o barco de Cape Town (Cidade do Cabo, África do Sul) ao Brasil então conheço muito bem o que dá pra fazer, o que dá para melhorar. Estar nos eventos é muito legal".

O barco Rudá chegou em segundo lugar por um ponto na 48ª Semana de Vela de Ilhabela e após dois dias de disputa do Campeonato Brasileiro - 12º Internacional Paint Ubatuba Sailing Festival - está em quarto lugar, na disputa pelo troféu principal da categoria ORC.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos