Ao ser questionado sobre vaias, Sylvinho elogia ambiente do Corinthians: 'Reciprocidade de olhar'

·2 min de leitura


No primeiro jogo com público total na Neo Química Arena, o técnico Sylvinho teve o seu nome vaiado por parte dos torcedores do Corinthians no anúncio da escalação. No fim da partida, uma vitória no último segundo contra a Chapecoense, por 1 a 0, e o treinador foi comemorar com a galera.

Após a partida, quando questionado em entrevista coletiva sobre as manifestações negativas, o comandante corintiano optou por enaltecer o ambiente do elenco, principalmente através de elogios recentes de atletas em relação ao ambiente da equipe.

>> Baixe o novo app de resultados do L!
>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

- Nós temos um grupo do qual os atletas estão se manifestando muito, Giuliano, Renato (Augusto), João Victor, isso me chega, porque não vejo, mas fico feliz, porque ele tem elogiado o nosso trabalho e ambiente interno. Fico feliz de estar no CT e conviver com funcionários de 30 anos atrás, de ter uma facilidade em transitar em toda as partes do clube - disse Sylvinho.

O técnico ainda fez questão de ressaltar o trabalho da diretoria, que precisou reforçar o elenco no decorrer do Campeonato Brasileiro, onde as perspectivas iniciais eram na parte inferior da tabela, diferentemente da realidade, onde o Timão é o sexto colocado e briga por uma vaga direta na fase de grupos da Libertadores do ano que vem.

- Alinhado com o presidente e diretoria, que tem anunciado que tem montado o time no meio do campeonato. Chegaram peças importantíssimas, que fizeram parte nem de metade do campeonato, talvez Giuliano sim, os outros não. Assim você vai redescobrindo o time em cima, resultados aparecendo, estamos em sexto, fizemos 10 jogos invictos, colocação que o clube em um determinado tempo estava em condições de se classificar diretamente à Libertadores - destacou o treinador.

Pouco antes da entrevista coletiva, o atacante Róger Guedes, autor do gol da vitória contra a Chape, na última segunda-feira (1º) já havia saído em defesa de Sylvinho, em entrevista concedida ao programa "Bem Amigos", do canal SporTV.

Na última semana, a principal torcida uniformizada corintiana, Gaviões da Fiel, emitiu uma nota em suas redes sociais, cobrando a demissão do treinador.

Ainda que esteja em seu primeiro trabalho como treinador no futebol brasileiro, Sylvinho tem história longa com o Corinthians, clube por onde foi revelado como jogador, tendo atuado profissionalmente entre 1995 e 1999. Além disso, entre 2013 e 2014 o ex-lateral-esquerdo passou pelo clube do Parque São Jorge como auxiliar técnico de Tite e Mano Menezes.

Sylvinho
Sylvinho

Sylvinho chegou ao seu 32º jogo no comando do Timão (Foto: Reprodução/Dugout)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos