Ao L!, VP ressalta trabalho de base no futebol feminino do Flamengo e projeta: 'Vamos fazer grande barulho'

·2 min de leitura


Vice-presidente de futebol feminino do Flamengo, Vitor Zanelli falou ao LANCE! sobre o trabalho desenvolvido no clube com as Meninas da Gávea. Segundo o dirigente, 2021 foi o "ano da virada" da modalidade no clube, mas não irá parar por aí. Com receita e investimento crescentes, inclusive na formação de atletas, Zanelli projeta que o Flamengo fará "muito barulho" nas próximas temporadas.

- No nosso planejamento, 2021 foi o ano da grande virada de chave. Trabalhamos bastante em 2019 e 2020 para montar a estrutura e desenhar esse projeto juntamente com o departamento de Marketing e, assim, fomos abraçados pelos nossos parceiros. A consequência disso é que temos um projeto forte e sólido para os próximos anos - afirmou Zanelli ao LANCE!.

Confira, na íntegra, as respostas de Vitor Zanelli, vice-presidente do Flamengo:

O Flamengo, desde 2019, tem investido na base do futebol feminino. Qual o balanço do trabalho feito até este ano e no que o clube ainda pode avançar?

Fizemos um planejamento a longo prazo e estamos cumprindo fielmente as etapas. Ainda temos muito a avançar, mas acredito que estamos no caminho certo e temos que ter paciência e resiliência. Um passo de cada vez. Nosso lema “Craque o Flamengo faz em casa” é o nosso norte para esse trabalho. Hoje já temos inúmeras atletas da nossa base trabalhando na equipe principal. E muitas com convocação para as seleções de base. Vamos em frente.

O DNA rubro-negro, que norteia as divisões de base do futebol masculino, é levado também para dentro da formação no futebol feminino?


O Flamengo é um só. O processo de formação é espelhado sim. O DNA Rubro negro de buscar sempre a vitória, da intensidade de jogo, da “Raça amor e paixão” está sempre em campo no dia a dia de trabalho.

Com o aumento das receitas, o Flamengo também aumentou os investimentos feitos na equipe principal. Quais são os objetivos para 2022?

No nosso planejamento, 2021 foi o ano da grande virada de chave. Trabalhamos bastante em 2019 e 2020 para montar a estrutura e desenhar esse projeto juntamente com o departamento de Marketing e, assim, fomos abraçados pelos nossos parceiros. A consequência disso é que temos um projeto forte e sólido para os próximos anos.

Os primeiros passos incomodaram muita gente. Estão criando boatos de que inflacionamos o mercado, estamos pagando cinco vezes o salário das atletas. Isso tudo é desculpa para justificar as saídas delas para o Flamengo. E olha que estamos apenas no início do projeto. Imagina como vai ser em 2023? Já adianto que vamos fazer um grande barulho.

Estamos montando um time para brigar por títulos. Nosso projeto está sendo bem recebido pelas atletas que acreditamos ter o perfil ideal para o Flamengo. Aguardem 2022.

Uma das apostas para a próxima temporada foi a chegada do Luís Andrade. Como o Flamengo chegou no nome do técnico português?


Precisávamos fazer algo diferente, buscar ideias novas. Acreditamos muito no trabalho do Luis Andrade.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos