Ao L!, Gabriel Pires revela motivo da escolha pelo Botafogo, analisa as críticas e relembra período na Europa

Gabriel Pires concedeu entrevista exclusiva ao LANCE! (Foto: Vítor Silva/Botafogo)


Todo jogador sonha um dia em atuar no clube de coração. Com Gabriel Pires, isso não é diferente. Em entrevista exclusiva ao LANCE!, o meia analisou sua chegada ao Botafogo e revelou por que decidiu retornar ao Brasil.

+ Veja as chuteiras que 20 craques vão usar na Copa do Mundo 2022

- Precisava de um desafio que me motivasse, pois eu estava no Qatar e lá não me sentia motivado pelo fato do futebol de lá não ter tanta competitividade. Então veio a oportunidade de vir para o Botafogo, o que juntou também com o fato de ser meu clube de coração e ainda estar em uma fase de reformulação. Era desse desafio que eu precisava, além do fato de voltar a ter a família e as pessoas que eu amo por perto.

+ Após período curto de folgas, Botafogo inicia preparação para excursão na Inglaterra

Antes do Glorioso, Gabriel Pires atuou por 11 anos na Europa. Durante a entrevista, o jogador relembrou com muito carinho do período que viveu no exterior e fez questão de destacar a sua passagem pelo Benfica, clube em que conquistou os títulos do Campeonato Nacional e Supertaça de Portugal.

- Como cheguei muito jovem na Europa e em um clube gigante como a Juventus, pude aprender e evoluir muito como jogador e pessoa. Depois de quatro anos rodando alguns clubes na Itália, fui para Espanha e lá eu consegui dar o salto que sempre quis na carreira. Eu conquistei objetivos ótimos em três anos e assim consegui despertar o interesse novamente de clubes grandes europeus como Benfica, lugar que consegui conquistar títulos e demostrar mais o meu futebol. Então eu olho com muito orgulho para essa minha passagem pela Europa.

+ Matheus Nascimento, do Botafogo, sofre lesão ocular na Seleção Brasileira sub-20

Não é novidade que jogar no Botafogo exige muita responsabilidade. A pressão é sempre constante por melhores atuações e resultados. Apesar das cobranças, Gabriel Pires ressaltou que procura não se ater as críticas que recebe.

- Eu sou o meu maior crítico. Então o que vem de fora e não se enquadra naquilo que eu já tenho na cabeça, eu descarto.

+ Gatito realiza cirurgia e agradece torcida do Botafogo pelo apoio

O meia chegou ao clube em agosto por empréstimo e tem contrato até junho do ano que vem, podendo ser prorrogado até dezembro. Ao ser questionado sobre os próximos objetivos, Gabriel Pires afirmou que sonha em conquistar títulos importantes pelo Botafogo.