Antony diz que adoeceu por conta de ares-condicionados da Copa

Antony, atacante do Brasil, após a partida contra a Suíça (Foto: Chris Brunskill/Fantasista/Getty Images)
Antony, atacante do Brasil, após a partida contra a Suíça (Foto: Chris Brunskill/Fantasista/Getty Images)

O atacante Antony deu uma justificativa inusitada por ter tido sintomas de gripe nas rodadas iniciais desta Copa do Mundo. Segundo ele, o problema é a temperatura do país e os ares-condicionados que vêm sendo usados para tentar diminuir o calor.

O jogador do Manchester United foi utilizado por Tite nas duas partidas desta fase de grupos, embora não tenha brilhado como era esperado dele. O Brasil venceu tanto a Sérvia quanto a Suíça e enfrenta Camarões na sexta-feira (2), às 16h, para fechar a participação na fase de grupos do torneio. A seleção brasileira está classificada para as oitavas e aguarda a definição do grupo H para saber contra quem jogará.

Leia também:

“Foi um pouco difícil. Acabei me sentindo mal por alguns dias, o que me complicou um pouco. Estou me recuperando bem e ficando 100%. Foi mais um enjoo, garganta. Era o ar condicionado. Não só eu, mas outros jogadores também tiveram tosse e dor de garganta. É muito difícil para mim ficar doente, mas estou feliz por ser uma parte importante da equipe. Sempre que precisar do Antônio, estou à disposição”, disse ele, em entrevista ao canal do streamer Casimiro.

O fato é que as gripes em alguns jogadores começaram a chamar atenção depois que Vinicius Junior revelou que Neymar também estava com febre e esse foi outro motivo que não o permitiu ir ao estádio 974 para ver a vitória brasileira.

De acordo com a Folha de S. Paulo, os jogadores da seleção brasileira não fizeram teste de covid-19 e os casos de gripe não são uma preocupação para a CBF.