Antes de final da Libertadores, torcedores pedem demissão de Renato à diretoria do Fla

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Flamenguistas encontraram membros da diretoria do clube carioca em Montevidéu e cobraram atitudes firmes dos cartolas. Foto: (Reprodução/Internet)
Flamenguistas encontraram membros da diretoria do clube carioca em Montevidéu e cobraram atitudes firmes dos cartolas. Foto: (Reprodução/Internet)

A prévia da final da Copa Libertadores da América não tem sido tranquila para os dirigentes flamenguistas. Em caminhada por Montevidéu, capital do Uruguai que será palco da grande decisão continental, um grupo de torcedores encontraram membros da diretoria do clube carioca e cobraram atitudes firmes dos cartolas em relação ao treinador Renato Portaluppi.

As reclamações dos torcedores são por causa do empate em 2 a 2 contra o Grêmio, na última terça-feira (23) na Arena do Grêmio. O resultado da partida, que foi a última do Flamengo antes de partir para o país vizinho, gerou fortes reclamações por parte da torcida, tanto na Internet quanto pessoalmente.

Leia também:

No vídeo gravado e divulgado por torcedores, aparecem os dirigentes Luiz Eduardo Baptista, o BAP, vice-presidente de relações externas do Flamengo, o vice-presidente de marketing, Gustavo Oliveira, e o vice-presidente jurídico, Rodrigo Dunshee. As frases ditas pelos torcedores foram no sentido de pedir a demissão de Renato, mesmo que o tricampeonato da Libertadores seja conquistado.

“Depois do que o Renato fez ontem (terça) ele não entra mais no Ninho, né?” e "E o Renato vamos dispensar" foram gritos de ordem dados pelos cariocas, conforme as imagens:

Foram decididos na tarde de hoje, em reunião, que contou com dirigentes que representavam Flamengo e Palmeiras, autoridades uruguaias e a confederação continental, os uniformes que serão utilizados na partida do próximo sábado (27), no icônico Estádio Centenário, em Montevidéu.

A equipe carioca entrará em campo vestindo seu uniforme reserva, de camisa branca e mangas rubro-negras, calção preto e meias brancas e seu goleiro vestirá uniforme de camisa e calção amarelo e meias pretas. Já o alviverde paulista, camiseta titular e meias verdes e calção branco, o goleiro palmeirense vestirá uniforme todo verde claro. A arbitragem também teve sua vestimenta definida: camisa azul claro e calções e meias pretas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos