Ansioso para voltar a atuar pelo Bahia, Allione já se “escala” para domingo

A eliminação na Copa do Brasil para o Paraná, na última quarta-feira, deixou o ambiente ruim no Bahia. Pressionado com o revés, o técnico Guto Ferreira tem um novo recurso para recuperar a boa fase do clube: trata-se do argentino Allione, recuperado de um estiramento no quadril. De volta aos gramados, o meia já foi relacionado para a partida deste domingo, contra o Moto Club, pela Copa do Nordeste, e falou com a imprensa nesta sexta-feira.

“Sim, já estou pronto. Já estou à disposição do treinador. Foi difícil ficar de fora, assistir aos jogos pela TV. Agora estou voltando com mais vontade que nunca para poder ajudar o Bahia”, disse o meia, recuperado de lesão.

Empolgado com o retorno, Allione até brincou quando perguntado sobre as condições de atuar neste domingo: “Se fosse por mim, eu entro [na partida]. E jogo os 90 minutos”, afirmou, rindo.

A conversa, porém, não foi só alegria – já que se tratou do primeiro contato com a imprensa após a recuperação. Inevitavelmente, o jovem de 22 anos foi perguntado sobre a eliminação na Copa do Brasil, que deixou a equipe pressionada.

“A gente sabe que está em um time grande, que sempre precisa ter bons resultados. Esta pressão a gente sabe que existe, mas tranquilos porque nos preparamos para isso. Quando vim para o Bahia, sabia que ia ser assim. Estamos um pouco doloridos pela desclassificação, mas agora é botar a cabeça no Baiano e na Copa do Nordeste, onde podemos conseguir um título”, completou.

O argentino não entra em campo desde a vitória por 6 a 0 em cima do Bahia de Feira, no dia 8 de fevereiro – neste confronto, inclusive, ganhou inúmeros elogios por ser um dos destaques do Tricolor de Aço. A partida deste domingo, contra o Moto Club, está marcada para às 16h (de Brasília), no estádio Castelão.