Anitta faz mais pelo Brasil do que o governo e nós provamos

Yahoo Vida e Estilo
E a Anitta faz tudo: por que a cantora é a "voz do povo" (Foto: Instagram @anitta/Reuters)
E a Anitta faz tudo: por que a cantora é a "voz do povo" (Foto: Instagram @anitta/Reuters)

Anitta já foi “cancelada” muitas vezes por não se posicionar sobre assuntos de relevância nacional, mas a cantora está mais politizada do que nunca. Nos últimos tempos, a artista tem usado o título de “poderosa” para fazer a diferença e ajudar o povo brasileiro.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no InstagramFacebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentários

Ela suas plataformas para questionar políticos, defender a classe artística, conscientizar seu público sobre a preservação do meio ambiente e mais. Seja nas redes sociais ou nos palcos, Anitta manda os seus recados e não abaixa a cabeça para os ataques dos haters. Seu último acerto foi a mensagem que enviou à secretária especial de Cultura, Regina Duarte, após entrevista conturbada na TV.

Leia também

Abaixo, relembramos as vezes em que a carioca representou o povo e fez mais pelo Brasil do que o próprio governo:

Críticas a Regina Duarte

Anitta fez questão se posicionar contra a secretária especial de Cultura após ela minimizar as mortes por coronavírus e a ditadura militar em entrevista à CNN Brasil. A funkeira mandou uma mensagem certeira para Regina cobrando respeito e mais trabalho da pasta.

“Por mais que a senhora não tenha medo do coronavírus, não deveria trabalhar também para os que têm e levam a situação à sério? Só governa para quem pensa igual à senhora? (...) Se recusar a ouvir uma opinião contrária logo depois de enaltecer os tempos de ditadura me causa muito medo. Até porque eu e muitos dos meus amigos seríamos os primeiros censurados caso esse regime voltasse”, dispara a cantora.

Discussão com deputado federal

A “poderosa” convidou o deputado federal Felipe Carreras (PSB-PE) para discutir emenda a Medida Provisória 948/20, proposta pelo político, que altera a cobrança de direitos autorais em eventos e pode prejudicar a classe artística durante a crise do coronavírus. Durante transmissão ao vivo no Instagram, Anitta defendeu os colegas de profissão com firmeza e não espaço para a “enrolação” de Carreras. Após a conversa acalorada e a repercussão do tema nas redes sociais, Carreras voltou atrás sobre a emenda e ela comemorou a vitória.

Em defesa da Amazônia

Em agosto de 2019, quando as queimadas devastaram as florestas da Amazônia, Anitta também usou sua visibilidade para chamar atenção para o problema. A cantora publicou uma série de vídeos no Instagram falando sobre a importância da preservação do meio ambiente e chegou a ser comparada com a ex-presidenta Dilma Rousseff por causa de seu discurso em tom de cobrança ao governo. “Não interessa se você ama o PT, não interessa se você ama o Bolsonaro, a natureza não tem nada a ver com isso”, disparou, provando que a causa vai além da polarização política.

Ativismo pelos direitos dos animais

A artista homenageou os animais no Carnaval deste ano. Em cada apresentação durante os dias de folia, Anitta usou figurinos inspirados em espécies que estão ameaçadas de extinção e deu verdadeiras aulas de biologia em seus posts no Instagram. Legal, né?

Pressão contra Bolsonaro

Em agosto do ano passado, em meio à crise das queimada na Amazônia, a nossa musa colocou o presidente Jair Bolsonaro contra a parede e o questionou sobre a suspensão de um edital que selecionava produções audiovisuais com temática LGBTQ+ para a TV pública. Na época, Bolsonaro fez uma publicação no Instagram exaltando a medida e Anitta comentou. “Se realmente isso não se trata de preconceito, por que fazer um post isolado sem explicação específica para estimular seus seguidores a serem contra a comunidade?”, rebateu a cantora.

Leia também