Animação! Renzo Gracie cumpre pena com trabalho voluntário como catador de lixo; veja

Animação! Renzo Gracie cumpre pena com trabalho voluntário como catador de lixo; veja

Renzo Gracie é um sujeito bastante peculiar. Dono de opiniões e até mesmo atitudes polêmicas, não se pode negar também que o faixa-preta de jiu-jitsu tem um coração enorme. E mais uma prova disso foi dada em uma publicação feita pelo veterano em sua conta no Instagram na última quinta-feira (19).

No vídeo, Renzo aparece cantando a música ‘Eye of the tiger’, da banda Survivor, ao lado de um motorista de caminhão de lixo. A situação aconteceu durante uma coleta em que o brasileiro participou como parte de uma pena recebida após ele se envolver em uma briga de rua em 2015, quando ele chegou até a ser detido pela polícia.

Na explicação do vídeo, Renzo afirma que o rapaz que canta com ele a canção eternizada nos filmes de Rocky Balboa o procurou depois para colocar a vaga de emprego à disposição, sem saber que o treinador fazia parte da lendária família Gracie e é um dos artistas marciais mais respeitados de todos os tempos.

“Assim que eu coleto o lixo na minha cidade amada fazendo serviço comunitário por ordem da corte. Acabamos de quebrar o recorde coletando 330 sacos em um único turno da manhã das 7h às 10h, apesar de ser logo após uma substituição do ligamento cruzado ACL. Eu sou um homem do jiu-jitsu antes de qualquer coisa e se eu tiver que fazer algo, vou fazer com todo o meu coração e minha vontade, é claro. Com um sorriso estampado no meu rosto, e uma poesia em meu coração. Mas a melhor parte foi depois de dez dias fazendo esse trabalho duro, essa alma incrível que está ao meu lado no vídeo veio com um formulário dizendo que ele poderia me arrumar um trabalho com eles na companhia de lixo, porque eles precisavam de pessoas que trabalhavam duro como eu. O salário seria de 10 dólares por hora, mas os benefícios seriam ótimos. Não pude deixar de dar um abraço grande ao meu irmãozão lixeiro. Toda vez que eu tenho a chance passo por lá para vê-los e sempre trago uns sorvetes comigo. Busco viver a vida como ela tem que ser vivida. Até hoje eles não sabem quem sou, ou o que eu faço. Eles simplesmente me aceitaram como um deles. Na verdade o que eu realmente sou, um deles”, descreveu o brasileiro em sua publicação.

Além de um dos maiores mestres do jiu-jitsu internacional, Renzo Gracie também construiu uma carreira no MMA antes de se aposentar. O carioca pendurou as luvas com um cartel de 13 vitórias, sete derrotas, um empate e uma luta sem resultado, tendo atuado por eventos como Pride e UFC.