Angers é punido pela Fifa e não poderá contratar durante uma janela de transferências

·1 minuto de leitura
O Angers também terá que pagar uma multa de 30.000 francos suíços

O Angers, da Ligue 1 francesa, não poderá contratar durante uma janela no mercado, após o não cumprimento do regulamento sobre as transferências, anunciou a Fifa nesta sexta-feira em um comunicado.

O Angers e o Paris FC (da segunda divisão francesa) receberam além disso uma multa de 30.000 francos suíços (cerca de 33.000 dólares) e se tornaram os primeiros clubes sancionados após a entrada em vigor, no ano passado, do novo regulamento sobre as 'transferências ponte'.

"O caso está relacionado a um jogador de futebol que, depois de ter jogado como amador na França e na Espanha, assinou o seu primeiro contrato profissional com o Paris FC no dia 1º de julho de 2020 e ingressou no clube no dia 6 do mesmo mês. Seis semanas depois, foi transferido para o Angers SCO, onde foi devidamente inscrito no dia 18 de agosto de 2020", explicou a Fifa em um comunicado.

O jogador que está no centro do caso é o francês Kevin Bemanga, de 23 anos, que jogou na Espanha em divisões não profissionais e que se mudou para o Paris FC proveniente do Xerez CD.

Bemanga, que nunca chegou a atuar pelo Angers, joga atualmente na subsidiária do Sion suíço.

fcc/db/smr/iga/pm/aam