André Castro fala sobre adaptação no Iraque e afirma: 'Os brasileiros são muito bem-vindos'

·1 minuto de leitura


Recém-chegado ao futebol iraquiano, o volante André Castro vive a sua primeira experiência fora do Brasil. Com passagens por clubes como Atlético-GO e Ponte Preta, o jogador de 29 anos acertou com o Erbil SC para a disputa da Super Liga do Iraque da temporada de 2021/22. Ele falou sobre a adaptação ao país, revelou que os brasileiros são muito bem-vindos e contou como o preparador físico da equipe o ajuda na comunicação.

> Confira como foi o fim de semana do mercado da bola

- A expectativa é grande aqui, é uma experiência nova que estou desfrutando da melhor forma possível e vou dar o meu máximo para poder conquistar os objetivos do clube. Fui muito bem recebido pelo staff, comissão técnica e jogadores. Os brasileiros são muito bem-vindos aqui, então me trataram muito bem - disse André Castro, que ainda completou.

- O time não tem tradutor, porém o preparador físico Celso Silva tem me ajudado muito. Ele é um brasileiro com vasta experiência no exterior, então tem me ajudado muito por aqui - concluiu.

> Veja a tabela da Premier League

Vice-campeão paulista em 2016 pelo Osasco Audax, André Castro soma 115 jogos no Campeonato Brasileiro, sendo 32 destes pela Série A. Agora, o meio-campista brasileiro defende o tetracampeão nacional do Iraque, que levantou a taça pela última vez em 2011/12.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos