Anderson Silva recebe suspensão de 30 dias após vitória no UFC 208

A Comissão Atlética do Estado de Nova York divulgou as suspensões médicas destinadas aos atletas que se apresentaram no UFC 208, no último dia 11 de fevereiro, no Brooklyn (EUA). Segundo reproduzido pelo site MMA Fighting, Anderson Silva recebeu uma suspensão de um mês.

Spider, que venceu Derek Brunson na decisão dos juízes no UFC 208, terá de ficar sem treinar por pelo menos um mês. Ele pode conseguir uma liberação médica para adiantar seu retorno às atividades. Brunson, rival do brasileiro, teve suspensão de apenas sete dias.

Ronaldo Jacaré e Glover Teixeira também receberam suspensões mais leves. Eles terão de ficar sem treinar por apenas sete dias. As maiores suspensões médicas foram as de Holly Holm e Dustin Poirier. A lutadora terá de ficar 45 dias afastada das lutas, enquanto o peso-leve sofreu uma suspensão por tempo indeterminado. Ambos necessitam de liberação da comissão atlética para lutarem novamente em Nova York.



E MAIS: