Anderson Silva explica aulas de defesa pessoal para agentes da PF: 'Ajudar as forças de segurança'

LANCE!
·1 minuto de leitura

O lutador Anderson Silva deu um curso para agentes da Polícia Federal, nesta quinta-feira, sobre defesa pessoal. As aulas aconteceram na sede da PF, no Rio de Janeiro, de acordo com o Uol. Em seu Instagram, Anderson contou que não recebeu dinheiro para participar do evento e afirmou que fez para honrar os profissionais brasileiros.

- Não tive a oportunidade de conhecer o presidente, mas independente de partido, vibro pelo meu país. Estudei e treinei muito a minha vida toda, para poder passar a diante meu conhecimento, em momento algum fui remunerado para transmitir meu conhecimento ao Grupo de Intervenção Tática da PF, meu compromisso é com a verdade! Força e Honra! - escreveu ele na rede, onde ainda teria criticado desinformações sobre o curso.

Leia também:

Sem anunciar sua aposentadoria, o ex-campeão do UFC segue com o futuro indefinido. Em 2020, ele se despediu das arenas de luta ao ser nocauteado pelo lutador jamaicano Uriah Hall. A postagem do "Spider" ainda contou com outra frase de desabafo do mestre das lutas.

- (Fiz o curso) Por paixão e amor ao meu trabalho e principalmente por conhecimento os quais me sinto honrado em trocar com as forças de segurança do Brasil - comentou ele, que ainda explicou que as aulas não seriam novidade em outros países:

- Tenho muitos amigos nas corporações e sempre que sou convidado dentro do possível tento encontrar tempo para ajudar no treinamento não só das forças de segurança do Brasil, mas fora também, como Líbano e EUA, sempre fazendo com amor e com responsabilidade meu trabalho, sempre será uma honra poder colaborar com as forças de segurança do meu país.