Análise: na estreia da Série B, Botafogo repete problemas ofensivos e peca na criação

·3 minuto de leitura


Nesta sexta-feira, o Botafogo estreou mal na Série B. Embora tenha empatado fora de casa, com o Vila Nova, por 1 a 1, a equipe de Chamusca ficou um tempo inteiro com um a mais em campo, já que Deivid foi expulso no etapa inicial, e mesmo assim saiu atrás no placar. Confira abaixo a análise feita pelo LANCE!, dos principais erros botafoguenses diante do modesto Vila Nova.

> Veja como foram os resultados da primeira rodada da Série B

A partida que começou de um jeito, terminou de outro. Isso porque, logo no início do jogo era possível ver, mesmo que de forma tímida, um Botafogo mais ativo em campo, jogando de forma semelhante àquela apresentada contra o Vasco, no último sábado. Assim, Chamusca implementou novamente uma marcação alta, adiantou suas linhas e, dessa forma, deu trabalho para a construção de jogadas do Vila Nova.

Com isso, os primeiros 20 minutos do duelo estavam completamente favoráveis ao Glorioso, que inclusive desperdiçou duas boas chances com Gilvan e Navarro.

A estratégia era nítida: com a escalação de Warley e Ronald, o Botafogo praticamente só atacou pelo lado direito e acabou ignorando as subidas de PV e Marco Antônio pelo outro corredor. De certa forma adiantou, uma vez que Ronald foi o melhor jogador do primeiro tempo, porém, a ausência de subidas pela ponta inversa fez com que o Vila Nova rapidamente consertasse sua marcação e deixasse o jogo mais equilibrado.

+ ATUAÇÕES: Romildo recebe a menor nota, e Navarro é o destaque do Botafogo em estreia na Série B

Na virada para o intervalo, o Botafogo já contava com um a mais em campo, uma vez que o lateral Deivid foi expulso após as repetidas faltas cometidas em Navarro e companhia. Porém, a vantagem numérica foi pouco aproveitada pela equipe. Isso porque, logo no início do segundo tempo, o time estava desatento e, depois de um escanteio, o Vila Nova conseguiu abrir o placar com Willian Formiga e, assim, se retrancar por inteiro.

É verdade que o adversário estava bem postado em campo, mas a lentidão alvinegra assustava. Por isso, Ricardinho sequer voltou para os 45 minutos finais, dando lugar ao estreante Chay. A equipe, então, ficou um pouco mais dinâmica e empatou com Navarro, após boa jogada por dentro. O gol de empate, no entanto, não serviu de incentivo para os atletas.

Sem nenhuma variação de jogadas, com os jogadores completamente estagnados em suas posições e reféns das ineficazes bolas aéreas, o Glorioso contava com a posse de bola, mas fazia pouco para efetiva-la em gol.

A maior problemática, portanto, seguiu a mesma linha vista no Carioca: a ausência de um 10. Tanto o meio campo que começou a partida, com Romildo, Pedro Castro e Ricardinho, quanto o que terminou, com Guilherme Santos, Pedro Castro e Chay, não conseguiram municiar os atacantes.

Nesse sentido, sem criação e apenas com passes horizontais, o Botafogo caiu na armadilha do Vila Nova e viu o tempo passar sendo completamente desfavorável a seu favor, já que a vantagem de um a mais em campo de nada serviu.

+ Vai começar o Brasileirão! Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Sinais de alerta estes que precisam ser corrigidos o quanto antes. Dos quatro duelos terminados até a noite da última sexta, três acabaram com igualdades no placar. Assim, fica claro que as equipes da Série B jogaram fechadas, priorizando oportunidades raras e quase únicas para matar as partidas. Então, o Botafogo não pode depender de lampejos, e sim de atletas que consigam realizar transições rápidas e efetivas, ao contrários das vistas diante do Vila Nova.

Após o empate na estreia, o Botafogo volta suas atenções para a segunda rodada, aonde enfrentará o Coritiba. A partida será realizada no Estádio Nilton Santos, às 21h, do próximo sábado, dia 5.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos