Amuleto? Eric Faria brinca com coincidências envolvendo Rodinei na Libertadores pelo Flamengo

·1 minuto de leitura


O Flamengo avançou para a final da Libertadores da América, pela segunda vez em três anos, levantando a taça em 2019. Naquela ocasião, Rodinei estava na equipe, mas deixou o clube em 2020 rumo ao Internacional, por empréstimo. De volta, o lateral chega a mais uma final do torneio continental pelo Rubro-Negro. Essa coincidência não passou batido.

Pelas redes sociais, o repórter da Globo Eric Faria brincou deixando a entender que uma coisa teria algo a ver com a outra, já que o clube não chegou à final justamente no ano em que o lateral estava no Colorado.

- O Rodinei estava em 2019. Saiu em 2020. Voltou em 2021. Ou seja… - postou.

A torcida entrou na brincadeira e começou a 'achar explicações' para a coincidência.

- Lembrando que ele foi pro inter e quase ganha o brasileiro lá, só não ganhou porque do outro lado tinha o Flamengo, aí não teve jeito - destacou um torcedor.

- Nosso amuleto da sorte, não tem jeito! - postou outro.

- Rodilindo é o amuleto da Nação - falou mais uma.

O Flamengo enfrenta o Palmeiras na final da Libertadores no dia 27 de novembro, em Montevidéu, no Uruguai. O confronto marca o encontro dos dois últimos campeões da competição, já que o Verdão levantou a taça na temporada passada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos