Amigos de Ronaldinho Gaúcho estão preocupados com excesso de festas e bebidas após morte da mãe, diz site

LANCE!
·1 minuto de leitura
Ronaldinho e sua mãe, Miguelina. Foto: Reprodução/Instagram @ronaldinho

O ex-melhor do mundo e camisa 10 de Barcelona, Atlético Mineiro e Flamengo Ronaldinho Gaúcho tem tirado o sono de amigos do astro. Após o falecimento da mãe dele, o "Bruxo" estaria exagerando nas festas e no consumo de bebidas alcoólicas. R10 vive em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, onde está desde que deixou a prisão no Paraguai e, segundo o Extra, estaria indo além nas celebrações.

>> Ouça o 'Segunda Bola', o podcast do Yahoo com Alexandre Praetzel e Jorge Nicola

- Todo dia é de festa. Ronaldo começa a beber de manhã, vodca, uísque, gin, e só para na madrugada seguinte. Não é de hoje isso, mas notamos que ficou mais intenso após a morte da mãe dele - disse um amigo de Ronaldinho, que preferiu não ser identificado. 

Leia também:

Dona Miguelina faleceu no último dia 20 de fevereiro. Ela estava internada por consequências da Covid-19 aos 71 anos. Antes mesmo da perda, Ronaldinho já estaria exagerando nas festas no haras onde ele vive, conta o amigo de R10.

- Nada mudou. Teve festa de réveillon e tudo, vários amigos do Rio foram para lá, porque ele se sente muito sozinho naquele lugar imenso. É churrasco, pagode, resenha sempre. 

- Ele vive numa fortaleza com tudo o que precisa. Ronaldo tem um coração imenso e faz questão de ser generoso com os amigo. Mas nem todos são de verdade e não veem que ele está fazendo muito mal a ele mesmo - contou ao portal outra amiga.

Miguelina deixa três filhos: Ronaldinho, Assis e Deise. A matriarca da família sempre foi a grande inspiração da carreira do "Bruxo", sempre sendo lembrada e homenageada pelo camisa 10. Em 2013, ela já havia recebido o carinho da torcida do Galo após recuperar-se de um câncer.