América-MG derrota o Operário-PR fora de casa e se consolida na vice-liderança da Série B

Valinor Conteúdo
·2 minuto de leitura


Operário-PR e América-MG fizeram um duelo movimentado neste sábado, 21 de novembro, às 16h30, em Ponta Grossa, pela 22ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Mas, a força do Coelho prevaleceu, vencendo o Fantasma por 1 a 0, gol de Léo Passos.

O time mineiro conseguiu retomar a vice-liderança do campeonato, agora com 40 pontos, três a mais do que Sampaio Corrêa e Cuiabá, ambos com 37. Já os paranaenses, estacionou com 29 pontos, agora na 9ª posição, mesmo com o revés.

A equipe americana está no “céu”, pois conseguiu uma heróica classificação na Copa do Brasil, ao eliminar o Internacional e chegar uma inédita semifinal, além de levar para casa uma bolada de R$ 7 milhões.

Além disso, administrou bem o período no mata-mata nacional, sempre figurando no G4 da Série B, ganhando uma “gordura” para perder dentro da competição.

Com as semifinais contra o Palmeiras sendo disputadas apenas no fim de dezembro, o Coelho pode concentrar suas forças na Série B e encaminhar sua volta à primeira divisão do futebol brasileiro.

Próximos jogos

O Coelho encara o Juventude na terça-feira, 24 de novembro, às 21h30, no Independência. Já o Fantasma terá pela frente o CSA, no mesmo dia, em Maceió.

FICHA TÉCNICA

Operário-PR 0 x 1 AMÉRICA-MG
Data-Horário: 21 de novembro, às 16h30
Estádio-Local: Germano Kruger, Ponta Grossa (PR)
Árbitro: Douglas Marques das Flores(SP)
Assistentes: Gustavo Rodrigues de Oliveira(SP) e Fabrini Bevilaqua Costa(SP)
Cartões amarelos: Alê(AME), Marcelo(OPE), Eduardo Bauermann(AME)
Cartão vermelho: Pedro Ken(OPE)

Gol: Léo Passos, aos 2’-1ºT(0-1)

Operário: Thiago Braga; Alex Silva(Sávio, aos 36’-2ºT), Bonfim, Sosa e Fabiano;Pedro Ken, Marcelo(Rafael Chorão, aos 36’-2ºT) e Tomas Bastos; Diego Cardoso(Jorge Jímenez, aos 19’-2ºT), Ricardo Bueno(Lucas Batatinha, aos 37’-2ºT) e Thomaz(Schumacher, aos 18’-2ºT).Técnico: Matheus Costa


América-MG: Matheus Cavichioli, Daniel Borges, Messias, Eduardo Bauermann, e Lucas Luan(João Paulo, aos 31’-2ºT),Flávio, Juninho e Alê(Geovane, aos 20’-2ºT); Felipe Azevedo(Felipe Augusto, aos 20’-2ºT), Rodolfo(Ademir, aos 20’-2ºT) e Léo Passos(Vitão, aos 28’-2ºT). Técnico: Lisca.