Alvo de brincadeiras por conta do nome, Kúdela tem recurso negado e não jogará a Eurocopa

·2 minuto de leitura


Acusado de racismo por um adversário em duelo pela Liga Europa, o zagueiro Ondrej Kúdela não disputará a Eurocopa pela seleção da República Tcheca. Punido pela Uefa por dez partidas no mês de abril, o defensor teve um recurso negado pela entidade máxima do futebol europeu.

+ Veja a tabela da Eurocopa


Segundo o meio-campista Glen Kamara, do Rangers, o zagueiro que atua no Slavia Praga o chamou de "macaco" em jogo pelas oitavas de de final da Liga Europa, no dia 18 de março. Na ocasião, o finlandês também foi punido pela Uefa por ter agredido Kúdela.

Na última segunda-feira, a República Tcheca anunciou sua lista de convocados para a Eurocopa com uma vaga em aberto, justamente a que poderia ser ocupada por Kúdela. O técnico Jaroslav Silhavý, em entrevista coletiva, afirmou que esperaria a situação do zagueiro ser resolvida antes de fechar a relação, que precisa ser entregue à Uefa até a próxima terça-feira, dia 1º de junho.

- Vamos esperar que a situação em torno do apelo de Ondrej Kúdela contra a punição de dez jogos se desenvolva esta semana. Sentimos que a esperança provavelmente está baixa, mas não queremos bater a porta. Em qualquer caso, temos tempo para trabalhar com aquele lugar na lista até 1º de junho - disse.

Diferentemente do habitual, quando 23 jogadores são convocados, a Uefa permitiu que 26 atletas fossem chamados para a Eurocopa. O motivo é em virtude da pandemia da Covid-19, que pode desfalcar as seleções em eventuais casos da doença.

Convocados da República Tcheca para a Eurocopa
Convocados da República Tcheca para a Eurocopa

25 convocados pela República Tcheca para a Eurocopa. Um atleta ainda pode ser incluído na lista (Foto: Divulgação)

ALVO DE BRICADEIRAS POR PARTE DOS BRASILEIROS
​Ondrej Kúdela é conhecido do povo brasileiro por conta de um duelo entre Brasil e República Tcheca num amistoso em março de 2019. Reserva naquela partida, que terminou com vitória do time de Tite por 3 a 1, o defensor entrou na etapa final e seu nome foi parar entre os mais comentados na internet.

Além das brincadeiras nas redes sociais, internautas fizeram um movimento para que o atleta fosse eleito o craque da partida em votação no site da "Globo". A intenção era que o locutor Galvão Bueno, que narrava a partida, falasse o nome do jogador em rede nacional por conta de um trocadilho.