Alphonso Davies sofre lesão grave no Bayern e ficará longo tempo fora dos gramados

Rodrigo Salomao
·2 minuto de leitura

O Bayern de Munique vive um grande momento, é sem dúvida a melhor equipe do mundo e parece que, hoje, é invencível em qualquer competição que disputa. Isso não quer dizer que não possa receber golpes dolorosos, como o do sábado, na vitória por 5 a 0 sobre o Eintracht Frankfurt.

Haviam sido jogados apenas três minutos quando Alphonso Davies pisou forte, tropeçou e saiu mancando para o banco de reservas. O evento em si ligou o sinal de alerta em todos, ainda porque o rosto (e a incapacidade de andar sem ajuda) do canadense foram um péssimo sinal. Lucas Hernández foi quem substituiu o jovem de 19 anos. E logo a triste notícia se confirmou: Davies só volta a jogar futebol em 2021.

FBL-GER-BUNDESLIGA-BAYERN-MUNICH-FRANKFURT | CHRISTOF STACHE/Getty Images
FBL-GER-BUNDESLIGA-BAYERN-MUNICH-FRANKFURT | CHRISTOF STACHE/Getty Images

"Ele tem uma lesão no ligamento do tornozelo direito. Acreditamos que ele estará fora de combate nas próximas seis ou sete semanas. É doloroso quando um jogador de sua qualidade se ausenta por uma lesão", disse o treinador Hans-Dieter Flick.

As seis ou sete semanas sem atividade significariam que um dos destaques da equipe ficaria inativo até o próximo ano, já que o último jogo do Bayern de Munique em 2020 será no dia 19 de dezembro e é difícil retornar de imediato. Assim, Davies vai perder todos os jogos restantes da fase de grupos da Champions League (dois jogos contra o Lokomotiv Moscou, dois contra o Red Bull Salzburg e um contra o Atlético de Madrid), além de 7 ou 8 jogos da Bundesliga (Colônia, Borussia Dortmund, Werder Bremen, Stuttgart, RB Leipzig, Union Berlin, Wolfsburg e Bayer Leverkusen).