Alonso desconversa aos ser questionado sobre ida para a Mercedes

Fernando Alonso atravessa um momento difícil na carreira por conta da pouca competitividade da McLaren em relação às outras grandes equipes do grid da Fórmula 1. A falta de resultados da equipe anda irritando o piloto espanhol, que poderá se transferir para a toda poderosa Mercedes ao fim desta temporada.

Questionado sobre as chances de, enfim, voltar à uma equipe de elite e ter novamente a oportunidade de conquistar um título mundial, Alonso desconversou.

“Não tenho nada a dizer agora. É uma questão para o futuro. Não descarto nada na vida”, disse Alonso, que ainda negou qualquer tipo de rixa com Lewis Hamilton, seu provável futuro companheiro de equipe. “Não tenho problema algum com ele. Na verdade, como eu venho repetindo desde 2007, nós nos respeitamos muito e os problemas que tivemos naquele ano aconteceram porque a equipe não administrou bem a situação”.

Fora da briga pelas primeiras posições do grid, Fernando Alonso já chegou a ser especulado fora da categoria. Alguns veículos enxergavam a aposentadoria do espanhol como algo possível de acontecer, entretanto, o bicampeão mundial descartou qualquer possiblidade de ficar fora das pistas, pelo menos por enquanto.

“Prefiro estar aqui do que em um supermercado lá na minha cidade. Definitivamente não é verdade. Eu ouvi isso de fora, de comentários de outras pessoas, inclusive na Espanha, mas estou mais preparado do que nunca, rendendo o meu melhor. A equipe não está muito competitiva agora, isso é verdade, e não há nada que possamos fazer de um dia para o outro. Ao mesmo tempo, a equipe também espera um trabalho extra da minha parte, um resultado a mais, como fizemos na Austrália”, finalizou o espanhol, que apesar de abandonar o GP de Melbourne chegou a brigar por posições que garantiram pontos à McLaren.