Allianz terá grama retirada, e Verdão deve sair de casa em mata-mata

Fellipe Lucena

A WTorre adotará uma estratégia inédita no Brasil para que os shows de Justin Bieber e Elton John, no Allianz Parque, não causem danos ao gramado para o próximo jogo do Palmeiras na Libertadores. Em contrapartida, este procedimento deverá impedir a equipe de jogar em seu estádio nas quartas de final do Paulista.

A operação será a seguinte: o gramado será todo retirado após a partida deste sábado, contra o Osasco Audax. Justin Bieber se apresenta nos dias 1 e 2 de abril, enquanto Elton John e James Taylor fazem show no dia 6. Depois dos espetáculos, uma nova grama será plantada. A construtora diz que o investimento supera os R$ 300 mil.

O Palmeiras avançará em primeiro lugar do Grupo C do Paulistão, e portanto será mandante no jogo de volta das quartas de final, em 8 de abril ou 9 de abril. É improvável que este jogo seja na arena, e o Pacaembu deve ser o palco escolhido.

Na Europa, procedimentos semelhantes permitem que uma partida seja realizada até 24 horas depois do replantio do gramado. No entanto, WTorre e Palmeiras definiram que a prioridade é o jogo do dia 12 de abril, contra o Peñarol, pela Libertadores.

Usar a arena no dia 8 ou 9, pelas quartas do Paulista, com o gramado recém-plantado, pode prejudicar muito as condições do campo para o duelo pela competição continental. Tudo tem sido conversado com antecedência entre as partes.

Final do Paulista

A grande final do Paulistão está prevista para o dia 7 de maio. No dia 6, o Allianz Parque receberá um show de Sting em seu anfiteatro. Ainda não é possível precisar se será possível desmontar a estrutura a tempo de o Verdão jogar em casa, se chegar à final, mas a expectativa neste momento é positiva.











E MAIS: