Allardyce pede suspensão temporária da Premier League em meio a casos de Covid

·1 minuto de leitura

(Reuters) - O técnico do West Bromwich Albion, Sam Allardyce, defendeu a suspensão temporária da temporada da Premier League para servir de intervalo em meio a casos crescentes de Covid-19 em clubes da principal divisão inglesa.

A Premier League informou que 18 indivíduos testaram positivo para o novo coronavírus entre 21 e 27 de dezembro, o número mais alto em uma semana nesta temporada, com o Sheffield United relatando vários novos casos antes da derrota de 1 x 0 para o Burnley na terça-feira.

O Manchester City divulgou mais casos na segunda-feira, dias depois que Gabriel Jesus e Kyle Walker testaram positivo, e seu jogo diante do Everton foi adiado.

O Reino Unido está lutando contra uma variante altamente infecciosa do novo coronavírus e Allardyce disse que é hora de agir.

"A segurança de todos é mais importante do que qualquer outra coisa. Quando ouço as notícias, a variante do vírus transmite mais rápido do que o original... só podemos fazer a coisa certa que é uma pausa", disse Allardyce a repórteres.

"Tenho 66 anos e a última coisa que quero é pegar Covid. Estou muito preocupado comigo e com o futebol.”

O técnico do Manchester United, Ole Gunnar Solskjaer, no entanto, disse que uma paralisação colocaria uma pressão extra nas equipes com um calendário já apertado.

"Não consigo ver a vantagem de fazer uma pausa", afirmou Solskjaer. "Quando vamos jogar? Todos nós sabemos que este ano está muito difícil... Não acho que parar os jogos vá fazer uma grande diferença."

(Reportagem de Shrivathsa Sridhar em Bengaluru)