Algoz de brasileiro no boxe se irrita com derrota e guarda prata no bolso

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Whittaker guardou a medalha de prata - Foto: REUTERS/Carl Recine
Whittaker guardou a medalha de prata - Foto: REUTERS/Carl Recine

Benjamin Whittaker não ficou nada satisfeito com a prata olímpica conquistada no boxe em Tóquio. O meio-pesado britânico, algoz do brasileiro Keno Marley nas quartas de final, não escondeu a irritação com a derrota na decisão do ouro e guardou a medalha no bolso.

A cena chamou atenção na cerimônia de premiação desta quarta-feira. Enquanto o cubano Arlen López, vencedor da final, o azerbaijano Loren Domínguez e o russo Imam Khataev, ambos bronze, exibiam orgulhosos suas medalhas, Whittaker recusou-se a ostentar a prata no pescoço.

Leia também:

As lentes das câmeras flagraram o momento em que o britânico guardou o objeto no bolso. Questionado sobre o motivo daquele ato, ele não escondeu a frustração e disse sentir-se “um fracassado”.

“Não quero parecer um bebê mimado, mas estou muito irritado que não conquistei o ouro. Não consigo celebrar a prata ainda”, disse.

O boxeador admitiu a chateação com a derrota na decisão para López. “Você não vence a prata, você perde o ouro. Estou muito decepcionado comigo mesmo, não lutei bem. Sinto-me um fracassado. Não quero me sentir desta forma de novo.”

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos