Alexandre Mattos sobre a vinda de Roger Guedes: 'muito difícil'

Valinor Conteúdo
LANCE!


O diretor de futebol do Atlético-MG, Alexandre Mattos, ainda não teve contato direto com a imprensa, mas usou os canais oficiais do clube para falar de vários temas, entre eles o interesse na contratação do atacante Roger Guedes que está no futebol chinês.

O dirigente considerou difícil a vinda do jogador, de 23 anos, que atua pelo Shandong Luneng, da China. Mattos respondeu perguntas enviadas por jornalistas à TV Galo e repassadas para o dirigente.

Segundo o diretor, a desvalorização do Real em comparação ao dólar e ao euro dificultam uma operação financeira para trazer o jogador.

-Há pouco tempo, era muito duro trazer jogador de fora. Você tinha que convencê-lo a abaixar o salário, ter alguma perda financeira, e é muito difícil fazer isso. Hoje, da maneira como estamos, com a subida do dólar e do euro, deixou de estar ‘muito difícil’ para estar 'muito, muito, muito, muito difícil'. Não tem que se criar expectativa nenhuma. Às vezes, o atleta até tem o desejo (de voltar), mas as possibilidades hoje são bem reduzidas.

Mattos e Roger Guedes se conhecem dos tempos de Palmeiras, já que o atual diretor do Galo o contratou para o time paulista em 2016, quando ele estava no Criciúma. O dirigente também foi responsável pelo empréstimo do atacante ao Galo, em janeiro de 2018, e da venda para o Shandong Luneng.








A esperança do torcedor do Galo em ver o jogador no clube era grande devido a pandemia de coronavírus no país asiático, pois as competições locais estão suspensas e, Róger Guedes não joga desde dezembro de 2019. O atacante tem vínculo com o Shandong Luneng até julho de 2022.

Guedes defendeu o Galo no Campeonato Mineiro, na Copa do Brasil, na Copa Sul-Americana e nas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro de 2018, conquistando o atleticano, ao marcar 13 gols, dar três assistências em 28 jogos.


O Palmeiras, dono dos seus direitos, o vendeu ao Shandong Luneng por 9,5 milhões de euros (R$ 43 milhões), em julho de 2018. Na China, Roger Guedes fez 15 gols em 35 jogos.






Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também