Alexandre Mattos sai em defesa de Felipe Melo após críticas de Chiellini


O diretor de futebol Alexandre Mattos, atualmente no Atlético-MG, não deixou de rebater Giorgio Chiellini, da Juventus, sobre as acusações que o zagueiro fez contra Felipe Melo, com quem Mattos trabalhou no Palmeiras.

- Falar do Felipe Melo é muito fácil. É um dos melhores profissionais com quem trabalhei. É o primeiro a chegar, o último a sair. Sempre positivo, sempre abraçando. Cobra muito, sabe ser cobrado. Não tive absolutamente nenhum problema com ele, só alegria, só discussão em alto nível, porque é um cara inteligente - iniciou Mattos em vídeo enviado ao programa "Fox Sports Rádio".

- Fomos campeões juntos e, acima de tudo, é um baita profissional, um cara que quer vencer. Às vezes, o cara que quer vencer e fala o que pensa carrega com ele essas bobagens, principalmente muitos invejosos, o que deve ser o caso desse jogador aí (Chiellini) – complementou.



Alexandre Mattos trabalhou no Palmeiras de 2015 a 2019, tendo sido o responsável por trazer Felipe Melo ao clube, que estava na Inter de Milão na época, uma das maiores adversárias da Juventus na Itália (Melo, anteriormente, já jogou na Velha Senhora). Chiellini chamou o volante do Palmeiras de “maçã podre” em sua autobiografia que será lançada, opinião que foi divulgada hoje no site “La Gazzetta dello Sport”.

- O pior era o Felipe Melo: o pior dos piores. Não aguento pessoas que não tem respeito e que são sempre do contra. Você sempre está à beira de brigar com ele. Eu disse aos dirigentes que ele era uma maçã podre.

Após a repercussão, Felipe Melo respondeu o jogador italiano ao site do jornal.

- Quando eu estive em Turim, nunca desrespeitei ninguém: meus companheiros, dirigentes, a Juventus. É muito fácil falar mal dos outros em um livro. Talvez esse "zagueiro" esteja com raiva de mim, porque, quando fui para o Galatasaray, vencemos (eles) na Liga dos Campeões. Ou porque a Inter ganhou tudo e eu sou interista. Vencemos a Itália por 3 a 0 na Copa das Confederações em 2009. Em nível internacional, (Chiellini) nunca ganhou nada - disse Felipe Melo.







Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também