Além de bancar Tiago Nunes, Corinthians promete despachar atletas descompromissados

Yahoo Esportes
Tiago Nunes dá instruções para jogadores do Corinthians (Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)
Tiago Nunes dá instruções para jogadores do Corinthians (Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

“Faz dois anos que a gente está pondo e tirando técnicos. Chegou a hora de os jogadores responderem. Ou então, eles que vão sair”. A declaração em tom ameaçador é de um importante dirigente corintiano em contato com o Blog. O mesmo que na terça-feira havia descartado com veemência a chance de demitir Tiago Nunes durante a paralisação das competições por causa do Coronavírus.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Siga o Yahoo Esportes no Google News

No período de dois anos citado pelo corintiano, o clube teve os seguintes técnicos: Fábio Carille, em duas oportunidades, Osmar Loss, Jair Ventura, Coelho (como interino), além de Tiago Nunes.

Leia também:

Apesar da alta rotatividade, incomum na última década no Corinthians, o time só fez sucesso no Campeonato Paulista, onde é o atual tricampeão - o último título no Brasileirão foi garantido em 2017.

Vale lembrar que a insatisfação dos dirigentes corintianos com parte do elenco vem desde a temporada passada. Depois de um tropeço no Campeonato Brasileiro, o presidente Andrés Sanchez chegou a prometer, em entrevista coletiva, mudanças radicais no grupo para 2020.

Não por coincidência, o volante Ralf, o meia Jadson e o atacante Clayson deixaram o Corinthians. Os dois primeiros foram dispensados, apesar de terem contrato até dezembro. Já Clayson acabou negociado com o Bahia. 

Depois da vitória do Guarani em cima da Ponte Preta, na última segunda-feira, a situação do Corinthians no Campeonato Paulista ficou extremamente delicada. O time de Tiago Nunes só se classifica para a próxima fase se vencer Palmeiras e Oeste e ver o Guarani perder seus dois jogos, contra Botafogo e São Paulo. Se o Bugre empatar uma das partidas, o Corinthians precisará tirar uma diferença de quatro gols no saldo.

Veja mais de Jorge Nicola no Yahoo Esportes

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Leia também